Hipnose clínica é o uso de técnicas hipnóticas para cura de doenças de ordem física ou psicológica. Também chamada de hipnoterapia, ela é feita em consultórios terapêuticos, sem uso de instrumentos cortantes ou compostos medicamentosos.

Conhecer a hipnose na prática não somente elimina uma série de mitos sobre a profissão, como também melhora a eficácia com o tratamento, trazendo mais confiança para o paciente. Entenda como a técnica funciona neste guia básico.

Hipnose na prática: saiba tudo sobre hipnoterapia e curso de hipnose

Tanto profissionais como pacientes que decidem optar por tratamento de hipnoterapia, precisam entender como a hipnose funciona. A técnica é segura e com eficácia comprovada cientificamente.

Neste pequeno guia, mostraremos como a hipnoterapia trata doenças, como fazer hipnoterapia pelo Sistema Único de Saúde e quais as formações que um terapeuta precisa ter para ampliar conhecimento na área.

O que é hipnose?

Entender o que é hipnose é sempre o primeiro passo. A técnica leva uma pessoa a um estado de completo relaxamento, bem semelhante ao sono. Isso é feito por indução mental, onde o hipnotizador utiliza de mentalizações específicas, todas aprendidas em cursos profissionalizantes.

É possível ainda que uma pessoa aprenda a fazer a auto hipnose. Por exemplo, pacientes que passam por longos tratamentos de hipnoterapia. Eles podem receber essa orientação e realizar todo o processo em casa. É um método seguro, mas que só deve ser feito com amplo conhecimento da técnica.

A hipnose existe também na área clínica, como citamos no início do post. Essa é uma prática totalmente terapêutica. Precisamos desmembrar esse conceito da hipnose feita em apresentações artísticas. No consultório, o hipnoterapeuta não fará o paciente flutuar ou comer cebolas pensão que são maçãs, por exemplo. Ela é utilizada para emagrecer ou tratar problemas de ansiedade, por exemplo.

Como funciona: descubra se a hipnose é real

hipnose é real e bastante séria. Mesmo a prática utilizada em apresentações artísticas, faz uso de uma técnica segura e que não causa nenhum dano à pessoa induzida.

No entanto, sabemos que há ainda muitas dúvidas sobre como a técnica funciona e como ela pode ajudar na cura de diversas doenças. Essa incerteza existe tanto em pacientes como em novos alunos de cursos online ou presenciais.

Na hipnose clínica, a primeira consulta é chamada de anamnese. Nela o terapeuta conversará sobre o problema que aflige o paciente e fará um mapa de sessões. Nesse mapa, constará um pré-diagnóstico médico, o número indicado de retornos, tipos de técnicas utilizadas – como a regressão de memória, a progressão, a programação neurolinguística, etc. – e quaisquer outros detalhes importantes para futuras consultas.

Todas as técnicas psicoterapêuticas utilizadas na hipnoterapia têm a finalidade de levar o paciente até níveis profundos de transe hipnótico. No primeiro momento há uma dormência no corpo – principalmente nas mãos e nos pés – e, posteriormente, ele sentirá uma sonolência mais elevada.

Ao contrário do que muita gente pensa, a hipnose não deixa o paciente cansado e mais lento. É justamente o contrário. Após cada sessão o paciente terá a sensação que passou por um processo de total relaxamento, similar a uma longa noite de sono ou muitas horas de meditação.

hipnoterapia

E como funciona a regressão?

Uma das perguntas mais comuns em consultórios de hipnoterapeutas é sobre o que é regressão, como a técnica funciona e se é verdade que lembramos de nossas vidas passadas. Voltar às memórias independem da sua crença filosófica e religiosa sobre a questão.

A hipnose regressiva, na verdade, vai buscar em seu inconsciente memórias que estão mais escondidas e que, sem nenhuma técnica, é mais complexo de acessá-las.

Morris Netherton, é doutor em Psicologia, e foi quem primeiro embasou cientificamente a regressão de memórias. Ele fala diz que qualquer pessoa, independente de sua religião, pode acreditar em vidas passadas, basta ter memórias que, para ela, não foram vividas.

Aquela sensação de deja vu que às vezes temos sobre um determinado lugar, pessoa ou situação, pode ser considerada uma memória de vidas passadas para Netherton. O mesmo acontece com algum medo inexplicável que temos em relação à animal ou situações - como fogo, água e altura, por exemplo -.

Na sessão de regressão, o hipnoterapeuta utiliza de técnicas específicas para acessar essas memórias, que como citamos, está no inconsciente do paciente. Contudo, nem todos conseguem respostas de imediato, podendo passar meses até conseguir recuperar essa memória.

Para quem já realiza a auto hipnose e tem experiências com regressão, o terapeuta pode ensinar também a auto regressão, potencializando ainda mais o processo de cura.

Hipnoterapia no SUS é possível?

Em 2018, o Ministério da Saúde aprovou 10 novas práticas integrativas no SUS e uma delas foi a hipnoterapia.

A hipnoterapia no SUS ainda está em processo de expansão e, por enquanto, só pode ser realizada por pacientes que receberam indicação médica. Outra limitação é que os tratamentos são de caráter preventivo, apenas.

Outra limitação é para o tipo de orientação terapêutica. Somente doenças de ordem física – hipertensão, obesidade, doenças cardíacas, etc. - , ansiedade, depressão, traumas, tabagismo, insônia e fobias estão liberados.

A hipnoterapia para aprendizagem, melhoria da memória, autoestima e outros tipos relacionados ainda passam por implementação e serão liberados aos poucos.

Leia também: Hipnoterapia no SUS como prática integrativa complementar

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Como ser hipnoterapeuta: conheça as possibilidades de formação

E para quem deseja saber como ser hipnoterapeuta, é possível optar por escolas presenciais ou um Curso Online Hipnoterapia. Qualquer pessoa com afinidade da área também pode ingressar na carreira. Não é preciso ser psicólogo ou psiquiatra para se especializar em hipnose. É possível, por exemplo, um fisioterapeuta utilizar técnicas hipnóticas para melhorar a resposta na cura de seus pacientes.

Para quem quer se aprofundar mais na área, pode optar por cursos livres, que também trazem uma gama de conhecimento e melhoram ainda mais os tratamentos. Por exemplo, se você é um paciente em terapia, é bastante indicado passar por esse aprendizado para entender mais sobre a sua cura.

É importante buscar por escolas com certificados e reconhecidas. Dessa forma você tem a garantia de aprender as técnicas certas e com a segurança que elas precisam.

Agora que você já conhece mais sobre a hipnose, já pode iniciar seu Curso Online Hipnoterapia! Aqui no Educamundo temos mais de 1200 cursos online com certificado para você incrementar seu currículo.

Por apenas R$ 69,90 por ano, você assina o Pacote Master e pode fazer quantos desses cursos quiser.  Faça a sua inscrição agora mesmo!