Você já ouviu falar sobre a microbiologia? É uma área que lhe chama atenção e você tem interesse em seguir carreira nela? O profissional que trabalha com isso se chama microbiologista. Confira nesse artigo tudo sobre o universo dessa profissão.  

Tudo o que você precisa saber sobre a carreira de um microbiologista

A microbiologia é uma parte da biologia que estuda a vida dos microorganismos. Dessa forma, são estudados os eucariontes unicelulares, procariontes, bactérias, fungos e vírus. Hoje, muitas das pesquisas desenvolvidas dentro da microbiologia utilizam os métodos da biologia molecular, bioquímica e genética.  

Graças a essa ciência é possível combater doenças causadas por fungos, vírus, bactérias, entre outros microorganismos. Muitas dessas doenças podem ser mortais, e a ciência pode desenvolver vacinas, remédios e tratamentos que salvam milhares de pessoas todos os dias.

Mas a microbiologia não para por aí, o seu estudo possibilitou o desenvolvimento de alimentos e bebidas de forma mais eficaz e em larga escala. Exemplo disso está nos pães, queijos, iogurtes, cervejas, vinhos e demais bebidas que passam pelo processo de fermentação.

O profissional que trabalha com isso é chamado de microbiologista. Ele realiza pesquisas sobre:

  • a fisiologia dos microorganismos;

  • como se dá a interação desses microorganismos com o ser humano e outros animais;

  • criação de vacinas e tratamentos para doenças;

  • estudo sobre determinadas doenças a fim de combater epidemias;

  • como utilizar certos microrganismos para a fabricação e conservação de alguns alimentos;

  • criação de sistemas e métodos para a biossegurança;

  • combate de microrganismos durante o processo de tratamento da água;

  • o estudo da importância dos fungos na vida do ser humano, de animais e na produção de alimentos e bebidas.

Imagem relacionada

Conhecendo a microbiologia médica

A microbiologia médica é o estudo de tratamentos para doenças causadas por microorganismos. Muitos médicos, biólogos e estudantes passam anos em cima de pesquisas em laboratórios, fazendo testes para o desenvolvimento de vacinas, para a contenção de surtos e epidemias.

As vacinas mais comuns estão relacionadas a doenças causadas por bactérias e vírus. Graças a certas vacinas, muitas dessas doenças reduziram drasticamente no último século, como é o caso do sarampo e da varíola.

Embora sejam desenvolvidas vacinas e tratamentos, algumas vezes determinados vírus, como o da gripe, sofrem mutação, voltando com mais força e provocando epidemias. Um exemplo disso, é o vírus influenza (H1N1), que ainda provoca muitas mortes nos dias atuais.

Entendendo mais sobre a microbiologia farmacêutica

Dentro da microbiologia farmacêutica são desenvolvidos e testados antibióticos, pomadas e demais medicamentos para o combate de doenças causadas por microorganismos como os vírus, bactérias e fungos.

Os principais profissionais que se especializam nessa área são biólogos e farmacêuticos, que procuram trabalhar nos laboratórios testando as interações dos microorganismos com outros seres vivos, para poder combater doenças e epidemias.

As principais doenças causadas por microorganismos que já possuem tratamentos são a candidíase, micoses, gripe, placas bacterianas, sarampo, febre amarela, entre outras. Esses estudos têm sido muito importantes para a qualidade de vida e longevidade.

Descobrindo a microbiologia cosmética

A microbiologia cosmética  é responsável pelo estudo dos microorganismos em produtos cosméticos. Nela são analisadas a deterioração e mudanças químicas nesses produtos. Assim, o objetivo é manter a segurança nesses produtos.

Certos cosméticos, principalmente fora da data de validade, podem apresentar riscos à saúde do usuário. Por isso, a análise microbiológica é uma exigência na fabricação desses tipos de produtos.

O produto pode ter sido contaminado em seu processo de produção ou durante o uso pelo consumidor. Muitas vezes não há o cuidado devido no armazenamento e higiene. Ambientes úmidos, por exemplo, são propícios para o aparecimento de fungos.

Algumas curiosidades da microbiologia

As maiores epidemias da história

Você já deve ter aprendido sobre  epidemias na escola, algumas delas foram mortais, matando milhões de pessoas pelo mundo em várias épocas da história. Essas epidemias foram causadas por microorganismos, principalmente os vírus e bactérias.

A maior parte dessas doenças já foram erradicadas do planeta, como é o caso da varíola e do sarampo. Mesmo as que continuam provocando mortes já estão controladas, tendo vacinas e tratamentos eficazes, como a gripe, a meningite, alguns tipos de febres e doenças sexualmente transmissíveis. Quer saber um pouco mais sobre as epidemias? Confira o nosso artigo "Conhecendo um pouco sobre as maiores epidemias da história".

Porque os fungos são importantes?

Os fungos desempenham um papel muito importante na vida do ser humano, estando presente diariamente em muitas ocasiões. Como é o caso da produção do pão, queijo e bebidas alcoólicas.

Além disso, alguns tipos de fungos são comestíveis, trazendo propriedades nutritivas muito altas, como é o caso do champignon, shimeji e shitake. Muitos restaurantes, principalmente de comida oriental, utilizam esses ingredientes em seus pratos, trazendo um sabor diferenciado para a culinária. Leia mais sobre esse assunto aqui: Conheça um pouco sobre a importância dos fungos para o ser humano.

O processo de fermentação

Você já deve ter ouvido falar sobre a fermentação na produção de alimentos e bebidas. Através da fermentação lática são produzidos queijos e iogurtes, que estão presentes na dieta de muitas pessoas.

A fermentação alcoólica é utilizada para a produção de muitas bebidas, através do suco de frutas, como é o caso do vinho e do espumante, que utilizam a uva, maçã e pessego. A cerveja também passa por um processo de fermentação, porém primeiro é preciso transformar a cevada e demais ingredientes em açúcar, através de um processo chamado sacarificação. Ficou interessado? Confira o nosso artigo: Entenda um pouco melhor sobre como ocorre o processo de fermentação.

Quais são as doenças causadas por fungos?

Em alguns momentos os fungos são benéficos para o ser humano, em outros eles podem causar doenças que trazem sérios problemas para a saúde das pessoas.

As principais doenças causadas pela presença de fungos são a meningite fúngica, a candidíase, micoses, histoplasmose e tinea. Essas doenças possuem tratamentos que foram desenvolvidas graças ao estudo da microbiologia. Quer ler mais sobre esse assunto? Confira o artigo: Confira agora mesmo alguns tipos de doenças causadas por fungos.

O que é microbiologia dos alimentos

A microbiologia dos alimentos é o estudo dos microorganismo que habitam, se desenvolvem e contaminam os alimentos. Um dos maiores focos desse estudo está na deterioração dos alimentos. Porém, existem alguns que são benéficos para a produção de certos alimentos, como o pão e a cerveja.

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

A carreira da microbiologia tem tudo haver com você? Venha fazer o Curso Online Microbiologia para aprender sobre os microorganismo que fazem parte do nosso dia-a-dia. Além desse, existem muitos cursos da área da saúde para você complementar a sua formação.

Se inscreva no Educamundo, um dos maiores portais de cursos online do país. Nele você aprende com qualidade e ainda pode realizar muitos cursos online com certificado para melhorar o seu currículo. Venha conhecer o Pacote Master, por um valor de apenas R$ 69,90 por ano, você estará investindo na sua formação.