Você já deve ter ouvido falar sobre epidemias que assolaram regiões e mataram milhares de pessoas em diferentes épocas da história da humanidade. Elas foram causadas por vírus, bactérias e demais microorganismos. Hoje vamos conhecer um pouco mais sobre elas.

Conhecendo um pouco sobre as maiores epidemias da história 

Durante boa parte da história da humanidade, nem sempre a medicina foi tão avançada. Se olharmos para o passado, veremos que muitas doenças tomaram conta de diversas civilizações que perderam muitas pessoas por não conseguir conter essas epidemias.

Só através de estudos da medicina, pesquisas e avanços tecnológicos foi possível desenvolver mecanismos para curar e prevenir esses problemas, como é o caso da vacina.

A seguir vamos conhecer um pouco mais sobre essas epidemias que causaram muitos danos à humanidade.

Epidemias causadas por bactérias

Peste Negra

Com mais de 50 milhões de mortos entre a Europa e Ásia, essa doença é causada pela bactéria Yersinia pestis e ficou conhecida como a pior epidemia que atingiu a Europa no século XIV.  A bactéria pode ser encontrada em ratos e é transmitida por pulgas presentes nesses animais.

Os principais sintomas são  inchaço dos gânglios linfáticos, tosse com sangue, calafrios, dores no abdômen e nos músculos, febre, diarréia, náuseas e vômitos. Quando chega a um estado avançado, podem aparecem manchas pretas por causa do inchaço dos gânglios linfáticos.

Ela mata em quase 60% dos casos, o tratamento é feito à base de antibióticos. A epidemia começou a ser contida na medida em que foram melhorados higiene e saneamento básico das cidades infectadas. Com isso, diminuiu a população de ratos e foi possível conter a epidemia.

Cólera

A cólera é uma doença muito antiga, porém a sua epidemia mais conhecida foi em 1817, matando milhares de pessoas.  A bactéria que a causa é a Vibrio cholerae, que já sofreu várias mutações, causando novos males de tempo em tempos.

Seu contágio se dá através da água e de alimentos contaminados. A bactéria se multiplica dentro do intestino do paciente, causando muita diarreia. Outros sintomas são febre, vômito, dores fortes abdominais e desidratação.

Hoje existem vacinas para a cólera e seu tratamento é a base de antibiótico.

Epidemias causadas por vírus

Varíola

Uma doença que assolou a humanidade por mais de 3 mil anos e já deixou mais de 300 milhões de mortos. Personagens famosos como a rainha Maria II da Inglaterra e o rei Luís XV da França já tiveram problemas com ela.

Causada pelo vírus Orthopoxvírus variolae, que é transmitido por vias respiratórias. Seus principais sintomas são febre, dores, mal-estar, erupções na garganta e no rosto, entre outros parecido com gripe.

A sua vacina foi descoberta em 1976, acredita-se que ela está erradicada do planeta desde os anos 80, por causa da forte campanha de vacinação em massa.

Gripe Espanhola

vírus influenza (H1N1) provoca surtos até hoje, porém, sua pior epidemia ficou conhecida como a gripe espanhola de 1918, que matou mais de 50 milhões de pessoas pelo mundo todo.

Seus principais sintomas são tosse, dor de garganta, febre, calafrios, fraqueza e dores nos músculos e juntas. É uma doença altamente contagiosa, sendo transmitida de pessoas para pessoas através das gotículas expelidas por alguém contaminado.

Seu vírus continua em mutação, dessa forma nunca se está totalmente imune. As vacinas antigripais funcionam bastante para prevenir essa doença. Seu tratamento se dá com antibióticos.

Epidemia causada por outros tipos de microorganismos

Malária

É uma doença que mata mais de 2 milhões de pessoas por ano desde 1980. É uma doença fatal tendo surtos em vários lugares do mundo. Ela é causada por microorganismos do tipo protozoário Plasmodium.

Sua  contaminação se dá pelo sangue, pela picada do mosquito Anopheles.  Esse tipo de protozoário destrói as células do fígado e os glóbulos vermelhos. A vítima sente sintomas parecidos com a sepse e gastroenterite. Além disso, aparecem febre, dores de cabeça, calafrios, vômitos, hemoglobina na urina, anemia e convulsões.

A doença é muito fatal, pois a vacina ainda não é muito eficiente. O tratamento se dá através de antibióticos e se o estado da doença não é avançado a chance de cura é bem alta.

Como evitar vírus: veja estas quatro dicas  

  • Manter as vacinações em dia;

  • Não ficar em lugares fechados e abafados;

  • Manter uma boa higiene das mãos, sempre lavando-as e utilizando álcool em gel;

  • Manter uma alimentação saudável e praticar exercícios físicos. 

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

E aí, gostou do texto? Gostaria de aprender um pouco mais sobre esse e outros assuntos? Venha fazer o curso online Microbiologia. Além dele, a área da saúde conta com muitos cursos para aprimorar a sua carreira.

Ainda não conhece o Educamundo? É um dos melhores portais para cursos online do país. Nele você pode obter uma ótima complementação para a sua formação. No Pacote Master, por apenas R$ 69,90 ao ano você realiza diversos cursos online com certificado opcional. Faça a sua inscrição hoje mesmo. Bons estudos!