Inovação é uma ideia que atribui novas capacidades a um determinado produto, a fim de diferenciar um produto ou serviço e ganhar resultados econômicos. Na prática, são melhorias em produtos e serviços que já facilitam a vida do consumidor.

A inovação, apesar de ser um conceito que pode ser aplicado em qualquer tipo de negócio, é bastante associada ao meio digital, aos produtos e serviços oferecidos online. Aliás, inovação e negócios digitais podem ser o caminho para o empreendedor que busca uma reviravolta em sua empresa.

A criatividade e a inovação nos negócios digitais têm sido a mola propulsora para vários empreendimentos se repaginarem e se manterem sobreviventes em um meio bastante competitivo.

Também têm sido a motivação ao empreendedor que quer iniciar algo novo e que se destaque nesse mercado, em que os diferenciais contam muito na hora de o cliente escolher o seu fornecedor.

No entanto, e apesar de muita vontade, nem todo mundo é empreendedor. Mas como descobrir o nível de empreendedorismo que corre nas veias? Bem, é o que vamos descobrir ao longo do artigo.

Outro ponto que abordaremos são as formas de como empreender na internet e tirar a ideia ou o projeto do papel. Vamos lá?

Inovação e negócios digitais: como idealizar, construir e sustentar operações online

Há várias dicas quando se trata de dizer o que precisa para dar uma nova roupagem ou iniciar um negócio digital do zero. Vamos abordar algumas e você poderá analisar suas chances nesse mercado. 

Empreendedorismo e negócios digitais: pontos essenciais

1. Como saber se você é empreendedor?

Por meio de algumas características comportamentais e técnicas, você já pode ter alguma ideia sobre o quão empreendedor é:

a. Você não tem medo – ou tem e sabe como vencê-lo: essa é uma das principais características de quem tem espírito empreendedor. É preciso bastante autoconfiança e foco, além de saber exatamente o que quer e saber que pode enfrentar para chegar onde quer.

b. Você é flexível: várias situações exigirão muito “jogo de cintura” do empreendedor e é preciso que se tenha uma atitude positiva e proativa nesses casos. Mesmo que na hora não tenha uma solução para o problema, precisa ter a iniciativa de buscar soluções.

c. Você tem uma boa rede de contatos: nos negócios, ter um bom network é tudo. Além de definir que você é bom em estabelecer contatos, você também cria uma rede de potenciais parceiros ou clientes.

d. Você está bem adaptado à era digital: empreender em negócios digitais exigirá de você o mínimo de conhecimentos nas tecnologias usadas. Você pode não saber fazer ou mexer, mas deve saber o que são e para que servem.

2. Você sabe definir o seu negócio?

Pode parecer bobagem, mas você sabe definir qual tipo de negócio é o seu? Consegue explicar sua ideia? Se a resposta for positiva, tudo certo, você está no caminho de ser um empreendedor.

No entanto, se você não consegue, como os clientes saberão do que se trata? Neste caso é preciso mais preparo. Aguarde mais um tempinho e desenvolva melhor seu projeto e, principalmente, defina qual o seu tipo de negócio.

3. Monte um plano de negócios simples

O plano de negócios é primordial para qualquer tipo de empreendimento. Mesmo que seu negócio seja vender bolo de potinho online com entrega para o cliente, é preciso ter um plano, mesmo que simples.

O plano de negócios é norteador e define vários aspectos do negócio: investimento, mão de obra, gastos e despesas, retorno do investimento etc.

4. Use criatividade e inovação nos negócios

Tenha em mente que inovar não significa oferecer mais do mesmo. Se destaca quem realmente inova. Usando o mesmo exemplo do bolo em potinho: possibilite que o cliente, por meio de um aplicativo, além de fazer seu pedido consiga montar sabores de recheios e coberturas (pode até já existir, é apenas um exemplo).

Lembre-se que o comércio online é terra fértil, há muita oferta em produtos e serviços – exatamente por isso, você precisa trazer o diferencial. Você pode aprender mais sobre isso com nosso Curso Online Inovação e Negócios Digitais

Como empreender na internet

Lembrando: nada de fazer no improviso – mesmo que sejam negócios online, eles requerem bastante planejamento. Além de se saber “onde está pisando”, principalmente se transações no ambiente digital for algo novo para você.

Por isso, temos dicas de como empreender na internet:

1. Escolha um nicho de mercado

Caso não seja uma reformulação do seu negócio, você deve escolher com o que vai trabalhar. Mais do que isso, precisa também definir seu público, identificar as oportunidades e segmentar o seu negócio.

Ao contrário do que muito pensam, também é hora de estudar seus concorrentes, tentar identificar os pontos fortes e fracos e descobrir onde estão suas oportunidades de oferecer um produto ou serviço melhorado e ganhar da concorrência.

Com relação ao seu público, você terá que identificar quais são suas dores e de que forma você poderá ajudá-los.

2. O plano de negócios (sim, de novo!)

Bem, sobre isso já falamos em um tópico anterior, mas ele deveria aparecer aqui novamente porque nos direcionará aos próximos passos, que é a divulgação de seus produtos (isso também deve estar em seu plano).

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

3. Divulgação dos produtos ou serviços

Há várias formas de você divulgar seu produto online:

1. Sites ou blogs

Essas plataformas ajudam no marketing digital do empreendimento oferecendo as informações do negócio ou aproximando o público-alvo por meio de conteúdo relevante. Textos, vídeos e tutoriais são exemplos de recursos para disponibilizar conteúdos para as pessoas e assim, atraí-las ao negócio. Isso nos leva ao segundo tópico.

2. Marketing digital

É a partir deste recurso que o negócio ganha visibilidade online. O marketing digital tem a função de enviar a mensagem certa ao público certo, pelos meios que citamos no tópico anterior.

O marketing digital é todo trabalhado em cima de estratégias para que seu negócio atraia potenciais consumidores, os que realmente apresentam chances de consumir o que você oferece.

3. Redes sociais

As pessoas estão nas redes sociais o tempo inteiro. O alcance dessas ferramentas é tanto que as apostas em publicidade nesses locais são sempre altas. Facebook, Twitter, Instagram, Linkedln e outras redes são potenciais locais de publicidade.

É claro que esses pontos são opções para você e para outras centenas de milhares de empreendedores, por isso, é preciso se destacar. O lance é que você consegue criar meios de montar um espaço para seu público – as páginas do Facebook são um exemplo. Você oferece entretenimento, informação e seus produtos e serviços.

Para reforçar tudo o que falamos aqui, você pode contar com os cursos online do Educamundo. Você investe R$ 69,90 e tem acesso ao Pacote Master, que tem mais de 1.200 cursos. Durante um ano, período de vigência de sua matrícula, você pode fazer todos os cursos que quiser. 

Inscreva-se e descubra por que somos referência em cursos online com certificado

Esperamos que tenha gostado de nosso artigo de hoje. Compartilhe com seus colegas e amigos e nos deixe uma mensagem.

Até o próximo post!