Home / Blog / Educação Infantil / Gamificação na educação: ideias de atividades para a sala de aula
gamificacao-na-educacao Educação Infantil

Gamificação na educação: ideias de atividades para a sala de aula

  • Por: Equipe Educamundo
  • 24/05/2022

A gamificação na educação é uma estratégia que pode incentivar as crianças a permanecerem na sala de aula. Até porque, o número de matrículas na educação infantil caiu entre os anos de 2019 e 2021.

Segundo os dados da primeira etapa do Censo Escolar 2021 do Inep, a queda foi de 7,3%. O levantamento ainda mostrou que mais de 650 mil crianças de até 5 anos deixaram a escola. Em todas as etapas da educação infantil, foram registradas cerca de 46 milhões de matrículas em 2021.

Nesse sentido, a gamificação na educação se torna um atrativo para que os alunos se motivem a estudar. Quer saber algumas dicas de atividades para levar para a sala de aula? Então, continue a leitura deste artigo e saiba tudo sobre o assunto!

Qual o conceito de gamificação?

Gamificação é uma estratégia que aplica modelos de jogos em atividades rotineiras para motivar e engajar pessoas. Além disso, serve para facilitar o aprendizado por meio de competições e recompensas, assim como nos games.

Essa metodologia pode ser usada em várias áreas, como saúde, marketing, treinamentos, causas sociais, entre outras. O objetivo é atrair pessoas e promover maior interação entre elas e com as atividades propostas.

A presença da gamificação na educação não substitui os métodos tradicionais já utilizados. Muito pelo contrário, ela surge como um formato que agrega a eles. A seguir, falaremos dos benefícios dessa metodologia.

Gamificação na educação: quais são os benefícios?

A implementação de estratégias de jogos no ensino traz inúmeros benefícios para os estudantes. Afinal, quem não gosta de jogar, competir e ter recompensas pelos resultados?

Dessa forma, a gamificação proporciona um maior prazer em aprender, o que gera mais desenvolvimento da memória e fácil assimilação dos conteúdos.

Veja outros benefícios de aplicar a gamificação na sala de aula:

estudos mais dinâmicos;

alunos mais curiosos, engajados e motivados;

aulas mais lúdicas;

protagonismo e estímulo à resolução de problemas;

mais diálogo entre os estudantes e maior interação social;

melhora do desempenho e dos resultados.

Como você pôde ver, as consequências de implementar a gamificação na educação são bem positivas para os alunos. Agora, é hora de ver algumas dicas para aplicar a modalidade na sala de aula.

Quais são as dicas para aplicar a gamificação na educação?

Implementar estratégias de jogo nas salas de aula não é uma tarefa tão complicada. Entretanto, antes de gamificar as aulas, é preciso se atentar a alguns pontos.

O primeiro deles é de conhecer os alunos. Assim, será mais fácil saber quais atividades farão com que eles se envolvam com elas.

O segundo fator passa pelo planejamento dos exercícios. É importante que as ideias tenham fases a serem avançadas, assim como nos jogos de videogame e computador.

Por fim, adotar formas de deixar as atividades mais atrativas é fundamental. Um sistema de competição é um bom exemplo para isso. Com ele, é possível incentivar os alunos a avançarem etapas e evoluírem no exercício.

Passados esses pontos, é hora de darmos algumas dicas de aplicar a gamificação na educação. Confira!

Oferecer recompensas

Nos jogos, quem vence sempre tem alguma recompensa, seja ela uma medalha ou um prêmio em dinheiro. No caso da gamificação na educação, o retorno pode ser por meio de privilégios na escola.

Se tratando de criança, o prêmio pode ser brincar no parquinho, pular uma tarefa ou ganhar um lanche. São inúmeras possibilidades para oferecer. Porém, para ganhar essa recompensa, o aluno deve alcançar um determinado objetivo ou pontuação.

Adotar a gamificação na lição de casa

Muitos de nós já tivemos a experiência de fazer tarefas em casa. A maioria das crianças tem uma certa aversão a essa etapa da escola.

Porém, a gamificação pode tornar esse momento mais prazeroso e motivador. Para isso, basta alinhar os estudos com os jogos, sejam eles digitais ou físicos. Atualmente, há muitas opções de games educativos na internet que podem ser utilizados.

Contar histórias

Muitos jogos de computador e videogame possuem uma história que é contada à medida que o jogador avança no game. A mesma estratégia pode ser adotada em sala de aula.

Dessa forma, levar histórias educativas e envolventes para os alunos é uma boa opção de aplicar a gamificação na educação. Assim, há grandes chances de ter as crianças mais comprometidas com o que está sendo contado.

Como você pôde perceber, a gamificação na educação é uma grande aliada dos professores. Ela garante maior envolvimento dos alunos, desenvolvimento cognitivo, acessibilidade, mais engajamento, foco, desenvolvimento de habilidades, entre outros benefícios.

É importante lembrar também que a gamificação não substitui os métodos tradicionais. Ela surge como uma agregadora a eles, sendo muito vantajosa para os alunos.

Neste artigo, você conheceu o que é gamificação na educação, seus benefícios e como aplicá-la em sala de aula. Agora, que tal ver 6 dicas para estudar online?

 

Artigos que podem te interessar:

Artigos em Destaque