Você sabe o que é gamificação? Do termo em inglês “gamification”, a tendência ganhou espaço em várias áreas, como Educação, Saúde e Negócios.

Gamificar significa transformar rotinas em algo criativo, dinâmico e até mesmo divertido. Essa evolução abriu um vasto campo de trabalho para profissionais de programação e computação, e outros da área de Tecnologia da Informação.

Se você pensa em seguir carreira em TI ou quer aperfeiçoar seus conhecimentos no tema, e isso inclui a gamificação, o Educamundo tem o curso certo para seu aprendizado: o Curso Online Tecnologia da Informação.

Ao continuar lendo nosso artigo, verá que segmento interessante é o de gamificar processos e entenderá como a TI impulsiona as carreiras do futuro.

Gamificação e os desafios para a área de Tecnologia da Informação

Entre os principais desafios para TI em relação à gamificação estão: a – já  aparente – falta de mão de obra e o convencimento sobre os benefícios da gamificação.

A falta de profissionais em TI foi assunto levantado por uma pesquisa em 2016, divulgada pela Associação para a Promoção da Excelência do Software Brasileiro (Softex). Já o convencimento sobre a gamificação é trabalhado entre empresários que ainda têm dúvidas em relação à implementação de processos gamificados.

A gamificação nas empresas

É preciso difundir os benefícios da gamificação nas empresas, como aumento da produtividade e da qualidade das funções desempenhadas pelos colaboradores. Em negócios, isso significa aumento na lucratividade.

Muitas empresas já trabalham com o Design Thinking, portanto, nada mais natural que inserir a gamificação nesse conceito.

O que é gamificação e design thinking?

Para entender o que é gamificação e design thinking, você precisa entender o conceito do segundo. Design thinking é um processo cognitivo usado, inicialmente, por profissionais da área criativa – como designers - para encontrar soluções que atendessem seus clientes.

O conceito se estendeu a outras áreas, e, hoje, a “forma de pensar” ajuda profissionais a encontrarem soluções inovadoras para problemas ou para um novo produto ou serviço. Nesse contexto se encaixa a gamificação, que pode ser uma abordagem para que se consiga visualizar um resultado antes de inovar no papel.

A gamificação na educação

Uma das áreas mais contempladas com o gamification é a Educação. A gamificação na Educação permite que os educadores encontrem formas de tornar suas aulas atrativas e envolventes, alcançando e prendendo a atenção do novo aluno, o qual vem de uma geração tecnológica.

Como são as aulas gamificadas?

Aulas gamificadas são as elaboradas com recursos de jogos. Uma aula de História, por exemplo, pode ser desenvolvida por meio de um jogo no estilo RPG (Role Player Game), em que os alunos interpretam personagens para recriar determinados períodos históricos. 

Matemática e Português, por exemplo, podem ser ensinados por meio de softwares com atividades específicas para esse fim ou por atividades oferecidas por diversos sites na internet.

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Exemplos de gamificação

  • Gamificação na Educação: nem só de jogos a gamificação é feita. O conceito também envolve a criação de disputas saudáveis. O educador pode, por exemplo, criar um ranking. Para isso, define o que valerá pontos: chegada no horário, entrega pontual de trabalhos e qualquer outra ação palpável. Um prazo deve ser estipulado — pode ser mensal —, e os prêmios criados. Um exemplo de prêmio: poder ter ajuda em uma resposta na próxima avaliação.

  • Gamificação na saúde: um aplicativo para quem quer parar de fumar ou o uso do jogos de videogame que precise de movimentos para ajudar em tratamentos de Fisioterapia são exemplos de gamificação nessa área.

  • Gamificação nas empresas: jogos que simulam negociações com clientes, treinamentos de segurança e métodos que estimulam equipes de vendas a conseguir mais pedidos de orçamentos são exemplos do que já tem sido feito em empresas.

  • Gamificação no Direito: identificar fraquezas e pontos que precisam ser melhorados e criar metas é o primeiro passo. A partir disso, pode-se criar uma competição ou sistema de bonificação para alcançar os resultados desejados, usando conceitos de jogos, como pontuação, perder vidas, ganhar energia etc. Esse é um exemplo de gamificação que pode ser aplicado em escritórios de advocacia. 

Estude Tecnologia da Informação no Educamundo

Gostou do tema do artigo de hoje? Você pode aprender sobre isso e muito mais relacionado a TI em nosso portal.

Para isso, invista uma taxa única de R$ 69,90, que lhe dá acesso ao Pacote Master, com mais de 1.200 opções em cursos online. Durante um ano, você poderá fazer quantos cursos quiser.

Faça sua inscrição agora mesmo e descubra por que somos referência em cursos online com certificado.