O processo licitatório é um das atribuições mais importantes pelo qual a administração pública está encarregada, visto que trata-se do processo que garante a compra de bens e a contratação de serviços, fato que envolve a movimentação de recursos públicos e que necessita da observância de cada um dos princípios da licitação.

Diante da importância do processo licitatório e da observância de princípios como o da legalidade, é necessário a obediência das fases da licitação pública, mas você saberia dizer quais as fases da licitação, ou como funciona uma licitação?

Fases da licitação: conheça o processo licitatório passo a passo

As licitações funcionam em duas fases: uma interna e uma externa. A fase interna é composta pela escolha da modalidade da licitação e pela elaboração do instrumento convocatório, enquanto que a fase externa é composta pela habilitação, julgamento, homologação e adjudicação.

De modo esquematizado, podemos entender o processo licitatório passo a passo, da seguinte forma:

  • Fase interna

    • Escolha da modalidade de licitação;

    • Elaboração do instrumento convocatório.

  • Fase externa

    • Habilitação;

    • Julgamento;

    • Homologação;

    • Adjudicação.

É interessante informar que nem todas as modalidades possuem a mesma ordem ou apresentam todas as fases acima mencionadas, vale o estudo de cada uma das modalidades da licitação e o cuidado ao observar seu procedimento.

Exemplo de licitação

Podemos citar como exemplo de licitação, a compra ou contratação de produtos e serviços pela administração pública como ocorre com a contratação de empresa para a prestação de serviço de limpeza pública.

Primeira etapa: fase interna

A escolha da modalidade da licitação se dá através de análise da legislação e o respeito ao princípio da legalidade tributária. Após a escolha pela administração pública da modalidade mencionada, é hora de analisar o instrumento convocatório para aquele tipo de licitação.

fases da licitação

O edital de licitação e a carta convite

Em regra, todas as modalidades, possuem o edital de licitação como instrumento responsável para a convocação dos interessados no processo, é ele que torna pública a licitação, porém, na modalidade "convite" o instrumento convocatório será a carta convite.

Mas o que é carta convite?

Carta convite, assim como o edital, é um instrumento convocatório da licitação. A diferença entre ambos, é que a carta convite está restrita a uma única modalidade de licitação, aquela denominada convite. Ela é enviada diretamente aos interessados cadastrados ou não para participar deste processo.

Um cuidado: audiência pública

Em provas de concursos públicos é muito comum ser perguntado sobre a audiência pública como uma das etapas do processo licitatório. Vale mencionar que de acordo com o artigo 39 da lei 8666/93, a audiência pública somente será realizada, em licitações de valores muito elevados (acima de 150 milhões de reais).

Segunda etapa: fase externa

A habilitação

Após a publicação do edital inicia-se a fase externa da licitação e sua primeira etapa é conhecida como habilitação.

A habilitação consiste em uma verificação dos requisitos daqueles interessados e dos documentos exigidos. Essa etapa é fundamental para garantir que o vencedor esteja de fato habilitado para assumir a obrigação imposta pela licitação.

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Julgamento das propostas

Após a análise dos requisitos e da documentação, você verá no nosso Curso Online Licitação que o julgamento das propostas é o próximo passo.

Aqui, cada uma das propostas será avaliada e julgada de acordo com os critérios definidos pelo instrumento convocatório. Em seguida, serão classificadas e organizadas para a próxima etapa.

A homologação e adjudicação ao vencedor

Após o julgamento e classificação das propostas o processo licitatório será homologado e em seguida, o objeto será adjucado ao vencedor.

A adjudicação é a última etapa, momento pelo qual a administração determina que aquela pessoa é a vencedora da licitação e lhe é atribuído o objeto do certame.

Fases da Licitação:

Recapitulando, dentro do processo licitatório temos as seguintes fases:

  • Escolha da modalidade de licitação;
  • Elaboração do instrumento convocatório.
  • Habilitação;
  • Julgamento;
  • Homologação;
  • Adjudicação.

Dica extra para sua qualificação

Agora que você já aprendeu tudo sobre as fases da licitação, que tal começar um curso excelente sobre o tema? Aqui no Educamundo colocamos à disposição diversos cursos online com certificado opcional, em temas como o direito, informática, administração e muito mais.

Investindo apenas R$ 69,90 por ano você garante acesso a este e a todos os cursos online do Pacote Master. São diversas opções para aprender e se destacar, inscreva-se agora mesmo e comece ainda hoje seu curso sobre licitação pública.