Os chás medicinais são, de longe, a forma mais conhecida de usar plantas com propriedades terapêuticas. Mas você sabia que eles nem sempre são a forma ideal de utilizá-las?

Há diversas maneiras de preparar e utilizar essas plantas, e cada uma busca extrair o melhor de cada espécie. Listamos abaixo alguns tipos de preparo para que você possa fazer uso de plantas medicinais com mais saúde, segurança e praticidade.

Vá além dos chás: conheça 5 formas de preparar remédios caseiros a partir de plantas medicinais

1 - Maceração

É um método de extração à frio. Neste processo a planta fica em contato com um solvente (álcool, óleo, água). O tempo de repouso varia de acordo com a planta e o solvente utilizado. Deverá ser coado antes de ser consumido.

Exemplos: laranja‐amarga, losna.

2 - Compressa

Método para uso externo, no qual coloca-se um pano ou gaze embebidos de infuso ou decocto da planta sobre o local lesionado. As compressas podem ser frias ou quentes, dependendo da planta e objetivo terapêutico.

Exemplos: cajueiro, bardana, erva‐baleeira, arnica.

3 - Inalação

Consiste na inalação de vapores de plantas com princípios ativos voláteis. O uso inalatório do eucalipto de 2 a 3 vezes por dia é indicado para a desobstrução das vias respiratórias e como auxiliar no tratamento da bronquite e asma.

4 - Xarope

Preparações onde os princípios ativos das plantas são dissolvidos em água e açúcar aquecidos. O xarope de guaco para o combate da tosse é um dos mais populares.

5 - Emplastro

Neste método as plantas in natura são amassadas e aplicadas sobre a parte afetada. A aplicação pode ser direta ou sobre um pano fino/gaze. Atenção: você deve garantir que todo material utilizado esteja bem limpo.

Exemplos: babosa, bálsamo-branco,confrei

Seguindo estas instruções você poderá usufruir da melhor forma dos inumeros beneficios que estes recursos podem te oferecer. Confira alguns deles abaixo:  

Plantas medicinais e suas principais funções

As propriedades terapêuticas mais populares são diuréticas, anti-inflamatórias, digestivas, carminativas, analgésicas, depurativas, expectorantes, cicatrizantes, estimulantes, laxativas, antissépticas, antiespasmódico, imunomoduladoras.

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Resumindo: o que você precisa saber para um uso eficaz de plantas medicinais

Como usar as plantas medicinais

Há diversas formas de preparo para as plantas medicinais, sendo as mais comuns: infusão, decocção, maceração, compressa, inalação, xarope, emplastro, banho e gargarejo.

O que são chás medicinais?

Chás são bebidas preparadas através da infusão ou decocção de plantas em água. Para ser considerado medicinal, o chá deve ser preparado com plantas de propriedades terapêuticas reconhecidas, respeitando a forma ideal de preparo para aquela espécie.

Como fazer chá de ervas?

Há duas formas: infusão ou decocção. Na infusão a água fervente deve ser despejada sobre a erva, imediatamente o recipiente deve ser tampado e conservado assim por alguns minutos. Na decocção a erva e a água são levadas ao fogo ao mesmo tempo, buscando extrair os princípios ativos através da exposição prolongada ao calor.

Ficou interessado no assunto? Quer saber mais sobre as plantas medicinais e suas funções? O Educamundo é o lugar ideal, aqui você tem acesso a mais de 1200 cursos online, incluindo o Curso Online Cultivo e Uso de Plantas Medicinais.

Faça como os mais de 200 mil cursistas do nosso portal, inscreva-se agora mesmo e Invista no seu futuro com cursos online com certificado.