Arte contemporânea é o movimento artístico da atualidade representado por uma série expressões individualizadas. Ele surge logo depois da arte moderna, que foi a primeira ruptura expressiva com as regras formais propagadas pelos acadêmicos. Os dois movimentos compõem ciclos distintos da história da arte. 

Como se expressa a arte moderna? Ela significa a mesma coisa que arte contemporânea? Quais artistas representam esses períodos? Se você também tem esses questionamentos, continue acompanhando o post que vamos esclarecer cada um deles.

Por dentro da arte moderna e arte contemporânea

Até hoje esses dois movimentos artísticos ainda geram dúvidas na população. Alguns acham que eles são sinônimos, outros relacionam o nome com a divisão do período histórico. Por exemplo, como se arte moderna fosse feita na Idade Moderna, e a arte contemporânea correspondesse à Idade Contemporânea.

Todos esses pontos, no entanto, estão errados e ambas as expressões têm características diferentes que começaram a surgir a partir do século XIX. Para que você consiga compreender melhor tudo isso, os tópicos a seguir te explicam de forma simples os detalhes dessas importantes expressões artísticas.

Arte moderna: quebra de paradigmas

A arte sempre esteve presente na sociedade, um exemplo disso são as pinturas pré-históricas, que datam de milhares ou milhões de anos atrás. Ao longo do tempo, as expressões artísticas foram se modificando e a cada época ganhavam novas características e nomenclatura.

A arte moderna começa a se desenvolver em meados do século XIX, na época da Revolução Industrial, e segue até mais ou menos a década de 1960. Ela surge com uma proposta de romper com os padrões formais da academia. Por isso, traz outras linguagens que vão além da pintura e escultura, a exemplo da fotografia.

Os movimentos de vanguarda — nome dado aos grupos que se encaixavam nessa nova estética — surgem efetivamente no começo do século XX e vão querer expressar as modificações do período em que estão vivendo. Isso inclui os carros, a chegada do cinema e a própria criação da fotografia.

Sendo assim, a arte moderna vai dar ênfase a esse corpo em movimento e trazer expressões como o cubismo, surrealismo, expressionismo, fovismo, dadaísmo, futurismo e abstracionismo.

O modernismo brasileiro

O modernismo surge no Brasil com a realização da Semana de Arte Moderna de 1922. Esse momento reuniu músicos, poetas, arquitetos, pintores e artistas em geral que começaram, a partir desse ponto, a refletir sobre a realidade social e política do país.

Aqui existiram três fases do movimento. A primeira vai até 1930 e foi o período de mais rupturas, a segunda segue até 1945 e tem ênfase nas temáticas regionalistas e a última já vai para a finalização do modernismo brasileiro.

Cursos relacionados que podem te interessar:

A arte contemporânea: mix de expressões

A arte contemporânea é o movimento que existe atualmente. Na verdade, ela engloba diferentes expressões criativas, como a grafitagem, videoarte, minimalismo e arte eletrônica. Hoje a arte é muito mais conceitual do que representativa. Mas o que isso quer dizer?

Enquanto a arte moderna quebra as regras formais de expressão criativa, a arte contemporânea busca algo a mais. Ela traz uma interpretação da realidade e para além dela.

Sendo assim, quadros e esculturas continuam sendo arte, porém vídeos, colagens, peças do cotidiano — como o urinou exposto pelo francês Marcel Duchamp — e até performances pontuais se encaixam no conceito.

Diferentemente dos movimentos anteriores que traziam uma forte integração entre os artistas e características em comum, na arte contemporânea é cada um por si. Isso quer dizer que as expressões são variadas e cada artista tem sua própria forma de criação.

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Artistas brasileiros

Os artistas brasileiros que representam a arte moderna e contemporânea são em número expressivo e muitos têm reconhecimento internacional. A seguir vamos listar alguns deles.

Os principais artistas da arte moderna no Brasil

  • Tarsila do Amaral (1886 — 1973) — pintora e desenhista;
  • Vicente do Rego Monte (1899 — 1970) — pintor, escultor e poeta;
  • Victor Brecheret (1894 — 1955) — escultor;
  • Manuel Bandeira (1886 — 1968) — escritor;
  • Vinicius de Moraes (1913 — 1980) — escritor, dramaturgo e compositor.

Os principais artistas da arte contemporânea no Brasil

  • Carlito Carvalhosa — faz transformações no ambiente arquitetônico usando diferentes meios e objetos;
  • Saint Clair Cemin — escultor que trabalha com ferro, bronze, madeira, mármore e resinas;
  • Sandra Cinto — escultora, desenhista e pintora;
  • Vik Muniz — reutiliza materiais cotidianos, como manteiga de amendoim e geleia, para criar quadros e obras variadas;
  • Ernesto Neto — artista de intervenção que trabalha muitas vezes com tecido elástico.

Agora você já entende as principais características das artes moderna e contemporânea. Para aprender mais sobre o assunto confira nosso Curso Online História da Arte‍. 

Aqui no Educamundo temos conteúdos sobre diversos assuntos e a proposta de cursos online te ajuda a estudar no seu ritmo. São ao todo mais de 1.200 cursos online com certificadoInscreva-se em nosso portal e continue acompanhando as postagens aqui do blog. Até mais!