Home / Blog / Idiomas / 5 dicas matadoras para você aprender inglês
aprender inglês Idiomas

5 dicas matadoras para você aprender inglês

  • Por: Equipe Educamundo
  • 23/11/2020

Você pode até já estar cansado/a de ouvir que deve aprender inglês e se ainda não aprendeu, é porque não ouviu o sábio conselho.  

O idioma é a língua universal, ou língua franca. Ou seja, onde há um encontro de pessoas de várias nacionalidades, o idioma que todas devem adotar é o inglês.  

Há alguns anos, saber inglês, e ter isso no currículo, era um diferencial. Atualmente, isso é uma exigência, além de valorizado financeiramente — o salário de quem domina o idioma, segundo a Catho, pode aumentar em até 52%.  

Outro dado importante dado pela agência é de que apenas 3% da população brasileira domina o inglês.  Isso significa, considerando um cenário político, social e econômico globalizado, que estamos muito aquém do que esperado.  

Mas vamos abordar tudo isso ao longo do artigo. Continue sua leitura e entenda a importância da língua inglesa para a carreira ou até mesmo para sua vida pessoal.  

Por que aprender inglês é tão importante? 

O mundo mudou. A formação profissional técnica sozinha e única já não é passaporte para uma boa carreira.  

O mercado de trabalho já não absorve profissionais que se formam na graduação e ficam por aí. O profissional que o mercado demanda é o que adquire competências técnicas, comportamentais e que se mantém em constante aprendizado.  

Isso inclui aprender e dominar idiomas, principalmente o inglês.  

A importância da língua inglesa para a carreira 

Inglês é a língua dos negócios. Dessa forma, quem quer seguir carreira em transnacionais, por exemplo, precisa dominar o idioma.  

No entanto, não é isso. Áreas como tecnologia da informação, contabilidade, marketing, finanças e várias outras demandam que os profissionais conheçam o idioma.  

Quem programa, sabe muito bem disso. Quem é contador, tem, desde 2012, acompanhado a harmonização às normas contábeis internacionais.  

Além disso, muito antes de iniciar na profissão, já há o contato com o idioma: quando se está na graduação, parte da bibliografia indicada para estudo é em inglês.  

Cursos relacionados que podem te interessar:

Posso aprender somente inglês instrumental? 

Há uma metodologia chamada inglês instrumental, que é direcionado a quem não conhece ou domina inglês e precisa desenvolver a habilidade de leitura e compreensão.  

Entretanto, só contempla isso. Se você perguntar se pode aprender somente o inglês técnico, outra denominação dada ao inglês instrumental, a resposta é: depende para o que precisa.  

O inglês instrumental é válido para quem precisa passar em uma prova, como vestibular e Enem ou para quem precisa provar proficiência em candidaturas a mestrado e doutorado.  

Outro caso é de quem trabalha em áreas da indústria como montador de equipamentos. Como muitas máquinas são importadas, esse profissional precisa saber ler em inglês por causa dos manuais e de instruções diversas sobre o equipamento.  

Caso precise de algo além do que isso, será necessário estudar e desenvolver as demais habilidades, como escrita e fala.  

Por que inglês é a língua universal? 

Também conhecido como “língua franca”, o inglês se tornou o idioma comum entre nações a partir de dois acontecimentos, basicamente: a antiga ocupação britânica em várias partes do mundo, como Estados Unidos, Austrália e África do Sul, criou bases, inicialmente, para relações comerciais. Conforme os laços se estreitavam, o inglês se tornava a língua de contato, como a língua franca dos negócios.   

Outro motivo é pela forte influência dos Estados Unidos em várias partes do mundo após a Segunda Guerra Mundial. Isso foi um boom da disseminação da cultura norte-americana.  

5 dicas imbatíveis para aprender inglês 

Agora vamos ao ponto mais interessante do nosso artigo: dicas para aprender inglês. Mas antes, vamos esquecer aquela ideia pré-formada (quem tem) de que inglês é difícil e de você não precisa aprender o idioma.  

Inglês não é difícil. Aliás, é um dos idiomas mais fáceis de aprender. E sobre precisar, bem, até aqui já demos motivos suficientes para convencê-lo/a, não é mesmo? 

Vamos às dicas: 

1. Não tenha pressa 

Para ser fluente, não pode ter pressa. Caso precise aprender urgentemente e para determinados fins, aposte no inglês instrumental, mas, mesmo assim, faça aulas do idioma regular, concomitantemente e no tempo do seu aprendizado.  

Tenha em mente que não se aprende inglês do dia para a noite. O aprendizado é contínuo e gradual — você notará isso, quando perceber seus primeiros progressos.  

2. Aposte nos recursos disponíveis 

Filmes, séries, música, internet... há uma série de recursos que você pode usar para aprender o idioma. É claro que esses recursos são apoio ao aprendizado regular, mas adicionam muito ao seu vocabulário e à pronúncia.  

3. Converse com nativos ou estudantes do idioma 

Com o tanto de possibilidades que a internet proporciona, podemos falar com pessoas ao redor do mundo.  

Você pode fazer amizade tanto com nativos de língua inglesa quanto com pessoas de outras nacionalidades que falam o idioma. Nessa troca de experiências, se aprende muito.  

4. Leve o idioma para o seu dia a dia 

Faça o inglês ser parte da sua rotina. Logo que você wake up (acorda), faz o quê? Take a shower (toma um banho)? Brush you teeth (escova os dentes)? Have a breakfast (toma café da manhã)? 

Viram o que acabei de fazer? Inseri vocabulário em algo simples. Você pode fazer isso, cada vez que vai fazer algo. Isso ajuda a expandir seu vocabulário e, em um nível mais avançado, a se tornar fluente em inglês.  

5. Faça cursos online 

Para finalizar, o óbvio: faça um curso. Você pode apostar em cursos online, por exemplo, e começar a se preparar para ficar fera no idioma.  

Mas não pense que somente o curso resolve, some a ele todas as dicas que demos anteriormente e verá como é possível aprender de forma efetiva e se tornar bilíngue.  

Veja a seguir uma curiosidade sobre os idiomas mais falados no mundo. 

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:




Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Curiosidades: as línguas mais faladas no mundo 

A Universidade Federal de Pelotas (UFPEL) divulgou uma listagem sobre as línguas mais faladas no mundo. Veja o top 10: 

1) Inglês: 1.132.366.680 falantes 
2) Chinês mandarim: 1.116.596.640 falantes 
3) Hindi: 615.475.540 falantes 
4) Espanhol: 534.335.730 falantes 
5) Francês: 279.821.930 falantes 
6) Árabe padrão: 273.989.700 falantes 
7) Bengali: 265.042.480 falantes 
8) Russo: 258.227.760 falantes 
9) Português: 234.168.620 falantes 
10) Indonésio: 198.733.600 falantes 

E então, gostou do nosso artigo? Quer aprender o idioma? O Educamundo tem o Curso Online Inglês Básico, uma ótima opção para quem quer dar os primeiros passos na aprendizagem da língua.  

Por apenas R$ 69,90, você tem acesso ao Pacote Master, que tem mais de 1.200 cursos online com certificado opcional, durante um ano inteiro.  

Além do curso de inglês básico, há vários outros títulos disponíveis na categoria idiomas, basta encontrar o que melhor contempla seus objetivos.  

Não deixe para depois: faça sua matrícula agora mesmo e estude online, a qualquer dia e horário e de onde estiver. 

Artigos que podem te interessar:

Artigos em Destaque