Um curso de Assistente Contábil  é a pedida certa para quem quer se qualificar e se destacar no mercado de trabalho. Apesar do Brasil passar por um momento no qual um dos grandes problemas da população é a falta de emprego, a área contábil está entre as que têm crescido muito nos últimos anos. Esse crescimento se deve tanto em virtude de mudanças na legislação – como novas tributações, eSocial etc - quanto como resultado de novos tipos de empreendimentos, como os de microempreendedores individuais e startups.

O fato das empresas expandirem seus horizontes também demanda mais trabalho para os profissionais da área – e-commerce, food trucks, quiosques, entre outros, são exemplos de expansão de empresas que buscam aumentar o alcance aos clientes. Nesse contexto é bastante clara a gama de oportunidades que há para um assistente contábil, assim como a relevância de uma boa qualificação. Cursos a distância são exemplos de ferramentas poderosas de capacitação, atualização e aperfeiçoamento. Eles proporcionam um bom embasamento sobre teorias e práticas do tema estudado.

O portal Educamundo sabe dessa importância e de quanto o mercado precisa de profissionais altamente capacitados e preparados para os desafios que as organizações enfrentam diariamente. Por isso, tem um departamento de pedagogia envolvido em desenvolver um conteúdo rico em saberes e em manter nossos cursos online sempre atualizados e atrativos. 

Acompanhe a partir daqui alguns temas que são parte de nosso curso online assistente contábil. Você vai conferir neste artigo noções básicas de contabilidade que com certeza vão fazer você se apaixonar por esse curso online e investir na sua carreira profissional.

Princípios da Contabilidade

Os Princípios são o pontapé inicial dos cursos na área de contabilidade e representam as teorias e doutrinas dessa ciência. No curso online Assistente Contábil você vai aprender que existem 7 princípios básicos. Conheça-os aqui de forma resumida:

  1. Entidade

O Princípio da Entidade afirma que a Contabilidade tem o patrimônio como objeto, assim há a necessidade de diferenciar o patrimônio particular do patrimônio da empresa, mesmo que a empresa seja de uma única pessoa. Esse princípio cabe em qualquer tipo de empresa, independentemente de sua atuação ou finalidade, com ou sem fins lucrativos. Explicando de um jeito mais resumido: o patrimônio da empresa não se mistura com o dos proprietários ou sócios.

  1. Continuidade

O Princípio da Continuidade prevê que a entidade permanecerá operando no futuro, assim o patrimônio é mensurado considerando essa premissa.

  1. Oportunidade

O Princípio da Oportunidade é relativo à mensuração e apresentação do patrimônio da empresa com o objetivo de produzir informações corretas, objetivas e íntegras.

  1. Registro pelo Valor Original

O nome desse princípio é autoexplicativo: o patrimônio deve ser registrado com seu valor original de transação e em moeda nacional.

  1. Atualização Monetária

Os cursos da área de contabilidade abordam esse princípio apenas para fins de entendimento do aluno, pois ele foi revogado em 2010 e não é mais usado. Este princípio dizia que a alteração do poder aquisitivo da moeda deveria ser reconhecida nos registros contábeis e ajustar os valores dos componentes patrimoniais.

  1. Competência

Esse princípio determina que eventos e transações sejam reconhecidos nas datas ou períodos em que aconteceram, sem considerar o pagamento ou recebimento.

  1. Prudência

Também conhecido como Princípio do Conservadorismo, ele prevê que seja adotado o maior valor para os componentes do Passivo (grupo composto pelos deveres e obrigações das organizações, como obrigações fiscais, financiamentos e fornecedores) e menor para os do Ativo (grupo que engloba as contas onde são registrados os bens, créditos e direitos que formam o patrimônio da empresa).

Plano de Contas

Nos cursos online voltados à área contábil você aprenderá que o plano de contas nada mais é que o conjunto das contas que norteiam a contabilidade da empresa. É por meio dessa estrutura que se constrói a Demonstração do Resultado do Exercício (DRE) e o Balanço Patrimonial, instrumentos extremamente importantes para análise, avaliações e tomadas de decisão nas organizações.

Como o plano de contas abrange todas as movimentações financeiras da entidade, cada empresa precisa ter o seu plano de contas criado de forma personalizada. Toda empresa tem a obrigação legal de ter a escrituração contábil e ela só pode ser feita com base no plano de contas.

Estrutura do Plano de Contas

A estrutura do Plano de Contas é dividida em quatro grupos, sendo que cada um deles tem outras subdivisões para facilitar o detalhamento. São os seguintes grupos:

Ativo

O ativo tem suas informações desmembradas para categorizar cada conta em um dos seguintes subgrupos de forma correta:

  • Circulante: esses bens são convertidos em dinheiro e se movimentam, como a conta bancária, caixa e recebíveis dentro de determinado período.

  • Não-circulante: esse subgrupo abrange os bens que serão recebidos no próximo ano.

  • Imobilizado: abrange bens móveis e imóveis, como carros e terrenos, respectivamente.

Passivo

O Passivo representa todas obrigações que reduzem o patrimônio, como impostos e das contas a serem pagas. Ele é organizado da seguinte maneira:

  • Circulante: todas as obrigações que devem ser honradas dentro do exercício vigente, como salários e impostos.

  • Não-circulante: são as contas que serão pagas apenas no próximo ano.

Patrimônio líquido

O patrimônio líquido está no passivo por representar a obrigação com os sócios da entidade. É a representação da riqueza da empresa, e reúne informações como o que foi investido na empresa, os lucros gerados e que aguardam distribuição entre os acionistas/sócios, reservas de valores e ações em tesouraria.

Fique atento: a Contabilidade Geral é tema de questões em concursos públicos e processos seletivos para cargos de auxiliar, assistente, analista e vários outros na área. Portanto, conhecer as noções básicas de contabilidade é essencial a quem se prepara para pleitear um cargo público.

Esse é mais um motivo para você conhecer as nossas opções em cursos online com certificado na área contábil - inclusive os que abordam a contabilidade pública. Dependendo do edital do concurso, os cursos online podem contar pontos na prova de titulação.

Registro Contábil e Lançamentos Contábeis

Outro tópico do curso de assistente contábil traz esses dois aspectos que se entrelaçam, pois um lançamento contábil é o registro de um fato contábil. Todo lançamento deve ser documentado de maneira correta. O lançamento pode ser de primeira até a quarta fórmula, representados pelo seguinte cenário:

  • Lançamento de primeira fórmula: é o registro contábil de uma conta credora e uma conta devedora;

  • Lançamento de segunda fórmula: envolve mais de uma conta credora e uma única conta devedora;

  • Lançamento de terceira fórmula: apenas uma conta credora e várias contas devedoras;

  • Lançamento de quarta fórmula: mais de uma conta credora e mais de uma conta devedora.

Vale lembrar que  o lançamento contábil não deve ter apenas as informações de crédito e débito, mas também histórico da transação, data do lançamento e valor/valores.

 

Receitas, despesas e resultados

Continuando com os conceitos dos processos contábeis, entramos em outro tópico de curso online assistente contábil : receitas, despesas e resultados.

♦ Receitas:  são as entradas de capital que geram aumento no ativo patrimonial de uma empresas, como venda de produtos ou serviços, cobrança de royalties, rendimentos de aplicações financeiras etc. É importante ter em mente que receita é diferente de entrada. A empresa pode receber uma entrada de dinheiro fazendo um empréstimo, por exemplo. Mas esse dinheiro que “encheu” o caixa não aumentará o ativo, pois será devolvido.

As receitas dividem-se em:

- Receitas operacionais: receitas provenientes da atividade empresarial. Exemplo: prestação de serviço e vendas.

- Receitas não-operacionais: são os ganhos adquiridos sem ser pela atividade empresarial, como a venda de um imóvel ou juros de um empréstimo concedido.

♦ Despesas: é todo gasto feito para que a empresa se mantenha funcionando, como aluguéis, salários, pagamento do pró-labore, impostos, material de escritório etc. Não se conta como despesa o que se gasta para a produção de bens a serem comercializados, e sim, o que se investe na administração da organização. Aqui também é importante saber que despesa não é igual a saída, é somente parte dela.

As saídas de capital se configuram em custos, investimentos e despesas. A compra de um veículo para a empresa, por exemplo, é investimento, mas a gasolina e gastos com a mecânica são despesas. Já o pagamento de mão de obra, matéria-prima e qualquer outra saída relacionada à produção, se configuram como custos.

As despesas dividem-se em:

- Despesas operacionais: esses gastos compreendem o que é necessário para manter o negócio, como aquisição de insumos.

- Despesas não-operacionais: essas despesas não influenciam na atividade do negócio, são donativos, doações ou patrocínio.

♦ Resultados: o conceito de resultado é muito fácil de entender, pois ele é a diferença entre as despesas e as receitas. O resultado dessa conta é o que mostra se a empresa está rendendo lucro ou prejuízo, sendo lucro quando o total de receita é maior que o total de despesas e prejuízo quando o total de receita é menor que o total de despesas.

Você notou que nem sempre termos semelhantes significam a mesma coisa, certo? Entradas e receitas, por exemplo. Por isso é importante entender bem a diferença entre os termos usuais da contabilidade. Mas não se preocupe, você conhecerá cada um deles em nosso curso de contabilidade online.

É importante salientar que a contabilidade pública apresenta algumas diferenças no plano de contas, nas receitas, despesas e resultados, no nome das contas, entre outros aspectos. Motivo suficiente para quem faz cursos na área de contabilidade , sejam técnicos ou de graduação, apostar em nossos cursos online com certificado para reforçar seus estudos. Eles podem, inclusive, contar como os créditos necessários para as atividades complementares exigidas pela academia.

Patrimônio e Situação Líquida

Entre as noções básicas de contabilidade tratadas de forma didática e bem explicadas em nosso curso de contabilidade online e essenciais ao entendimento dessa ciência, estão as de patrimônio e situação líquida. O bem patrimonial nada mais é que o conjunto de bens, obrigações e direitos de uma entidade, sendo o patrimônio o objeto da contabilidade. São considerados elementos patrimoniais: Patrimônio Líquido, Passivo e Ativo. Em nosso curso online você vai aprender como esses conceitos funcionam na prática, mas aqui apresentamos uma prévia:

♦ Ativo: o ativo é o conjunto de direitos e bens da entidade em questão. A sua característica principal é gerar benefícios financeiros. São considerados bens: terrenos, veículos, estoque, depósitos bancários, entre outros. São considerados direitos: patentes, despesas pagas de forma antecipada, impostos a recuperar, títulos a receber, entre outros.

♦ Passivo: o passivo são as obrigações que a entidade tem e que ocasionam desembolso para quitá-las. Em palavras mais simples, são as dívidas da empresa: dividendos a pagar, salários a pagar, fornecedores a pagar etc.

♦ Patrimônio Líquido: o patrimônio líquido é a subtração entre o passivo e o ativo em determinado período. A conta é bem simples: Patrimônio Líquido = Ativo – Passivo

Essa conta possibilita três resultados diferentes, chamados de situação líquida:

  1.  Se o ativo é maior que o passivo chamamos de Situação Líquida Positiva e essa diferença é registrada como lucro em exercício do Patrimônio Líquido.

  2. Se o passivo é maior chamamos de Situação Líquida Negativa, pois o ativo não é o suficiente para cobrir as obrigações da entidade e é registrado como prejuízo em exercício.

  3. Temos a Situação Líquida Nula quando o Ativo é igual ao Passivo, ou seja, a entidade tem os valores suficientes apenas para cumprir com as suas obrigações.

O patrimônio líquido é formado por duas fontes de recursos: investimentos dos sócios da entidade e lucro.

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Escrituração contábil

Escrituração contábil é o nome dado à técnica de registrar os dados contábeis em livros. É regida por normas da Legislação Tributária, do Código Civil e das Normas Brasileiras de Contabilidade. A escrituração é obrigatória, conforme diz o artigo 1.179 da Lei 10.406/2002, do Novo Código Civil. Entre seus principais benefícios estão o controle do patrimônio da empresa e também um melhor controle financeiro e econômico do negócio.

A escrituração pode ser feita pelo método de partidas simples ou método de partidas dobradas. No método de partidas simples, uma transação é considerada apenas o crédito ou o débito que ocorreu no fato contábil. Esse método caiu em desuso por não ser completo e nem eficiente na informação de dados contábeis.

Já o método de partidas dobradas é universalmente adotado e prevê que o valor de contas lançadas a débito deve ser o mesmo das contas lançadas a crédito. Para haver equilíbrio não pode existir um devedor sem um credor que corresponda. Com esse método se aumenta de um lado o outro também deve aumentar, como em uma gangorra equilibrada.

O curso de Assistente Contábil do Educamundo

O melhor curso de Assistente Contábil você encontra aqui no Educamundo. O curso dispõe de um material único, que traz todos os fundamentos e práticas da contabilidade, para qualificar um assistente contábil e deixa-lo apto a atuar eficientemente no meio corporativo.

Nosso curso de contabilidade online  acompanha todas as mudanças da área contábil, como a implantação do eSocial, as reforma trabalhista, a adaptação às normas internacionais da contabilidade, citando algumas. Isso tudo com toda a comodidade e flexibilidade que os cursos a distância oferecem ao se moldarem ao tempo e ritmo de estudo dos cursistas.

O portal oferece vários cursos na área de contabilidade e também uma diversidade de outras opções nos mais diversos campos do conhecimento – e você pode conhecer cada um deles. Ao fazer a sua inscrição no portal, você tem o acesso ao curso que escolheu e a todos os outros cursos online com certificado que integram o pacote master, podendo fazer quantos quiser. Para isso, você investe o valor de R$ 69,90, taxa única, sem mensalidades e garante o acesso ao portal durante um ano inteiro.

Pense em como um curso online pode fazer a diferença em seu currículo e sua carreira. Faça como os mais de 160 mil alunos que já passaram por aqui e comprovaram que nossos cursos a distância são excelentes opções para qualificação e para oportunizar uma boa colocação no mundo do trabalho.

Gostou de saber um pouco mais sobre a função de assistente contábil? Nos conte suas impressões sobre o assunto e se gostou do artigo, o seu feedback é muito importante. Até o próximo!