Citada como uma das leis mais importantes a estudar para provas e concursos públicos, a lei 8.112 não pode ser dispensada se você está se preparando para qualquer cargo público federal.

Isso porque a lei trata do regime jurídico dos servidores públicos civis da União, que traduzindo, significa que nela estão presentes os direitos e deveres de todos os servidores públicos enquadrados em suas regras.

Essa norma contém 253 artigos e nem tudo é cobrado, por isso, é preciso atentar-se ao que mais cai e focar nesses assuntos para economizar tempo na sua preparação.

E foi baseando-se no conteúdo de nosso Curso Online Conhecimentos da Lei 8.112/90 – um dos cursos online do portal mais populares entre os concurseiros – que criamos este artigo, para listar o que mais cai da lei 8.112 e passar dicas valiosas para uma preparação eficiente.

Quer conhecer os detalhes? Continue lendo que explicaremos tudo isso a seguir.

O que mais cai da lei 8.112?

Como dito, a lei 8.112 de 1990 contém 253 artigos, entretanto, nem tudo que está ali é passível de cobrança.

Os concurseiros mais experientes sabem desse detalhe e por isso focam naquilo que é mais provável de ser cobrado. Para saber quais são os assuntos que mais caem, é preciso resgatar as provas anteriores e analisar questão por questão.

Além disso, detalhes como a banca examinadora ou o cargo ao qual está sendo pleiteada a vaga, são informações indispensáveis que não podem ser ignoradas no momento de levantar os tópicos mais recorrentes.

Em nossa análise, fizemos um levantamento geral, analisando os principais cargos e as duas bancas mais populares, quais sejam a CESPE e a Fundação Carlos Chagas (FCC). Deste levantamento, conseguimos reunir os tópicos mais populares da lei 8.112, são eles:

  1. Do Provimento;

  2. Vacância;

  3. Da Posse e do Exercício;

  4. Da exoneração;

  5. Do processo administrativo disciplinar (PAD).

Focando nesses temas você tem grandes chances de ser aprovado no concurso ao qual está estudando. Entretanto, vale reforçar que o estudo de outras disciplinas não deve ser ignorado.

Como estudar leis? Entenda a técnica do aprendizado ativo

Uma das formas mais eficazes de estudar qualquer assunto atualmente, principalmente aqueles assuntos mais complexos, como leis ou jurisprudência, é utilizando técnicas de aprendizado ativo.

O aprendizado ativo, diferente do passivo, é aquele que o estudante não apenas lê, mas interage com o conteúdo, seja respondendo exercícios, fazendo resumos ou recitando trechos para memorizar o que mais cai.

Aplicando essa técnica, você vai aprender a como estudar leis com muito mais facilidade.

Como estudar a lei 8.112?

O aprendizado ativo pode ser amplamente utilizado para memorizar assuntos importantes da lei 8.112. Assim, após uma breve leitura do texto legal, você pode resolver exercícios, criar resumos com suas próprias palavras ou elaborar um mapa mental com o que você aprendeu.

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Aprenda o Regime Jurídico dos Servidores Públicos Civis da União e gabarite provas!

Com essas dicas, ficou mais fácil estudar a lei 8.112 de 1990 não é mesmo?

Lembre-se que aqui no portal disponibilizamos cursos online com certificado de outras disciplinas do Direito para você estudar aprender e aplicar os conhecimentos em sua prova. Inscreva-se e aproveite.

Não deixe de expressar sua opinião na caixa de comentários abaixo e de compartilhar este artigo com amigos e familiares ok? Até a próxima!