O esporte como oportunidade de negócio: já pensou o quanto o entretenimento e a paixão por clubes, atletas e personalidades esportivas podem gerar bons ganhos para empresas e organizações? A associação desses dois fatores é cada vez mais explorada e fortalece uma área que está em ascensão: o marketing esportivo.

Os conceitos desse ramo são amplos e vão muito além da propaganda de marcas que aparece durante o intervalo do jogo de futebol, das placas publicitárias que cercam quadras e campos ou da estampa da loga de uma corporação no uniforme de determinado time. Há muito que desvendar sobre esse tipo de marketing que cresce muito no Brasil e no mundo.

Além de conferir algumas informações gerais sobre a gestão esportiva que listamos neste artigo, você pode se especializar no tema ao realizar o Curso Online Marketing Esportivo, que é destaque do Educamundo que apresenta um conteúdo primoroso sobre o assunto.

Com esse curso online é possível compreender detalhadamente os principais tópicos do marketing no esporte e suas disposições fundamentais. Para conhecer mais sua grade, confira uma abordagem geral sobre o marketing esportivo e sua importância para clubes e organizações – quem sabe você até se anima a seguir essa área.

Marketing e Marketing Esportivo

Empiricamente falando, marketing é um processo que estuda as tendências mercadológicas, atentando-se à gestão e ao desenvolvimento dos mercados com base em produtos, praças, promoções e preços, bem como o comportamento do público frente a essas variáveis. Explorar, criar, comunicar, entregar valor e manter um bom relacionamento com os clientes são suas ações principais, segundo definição do grande autor da área, Philip Kotler.

Tornar uma marca, organização, pessoa, ideia e qualquer outro conceito valorizado e como uma verdadeira referência em seu nicho – ou de modo global – é um dos grandes objetivos de um plano de marketing, que se vale de estratégias diversas e fundamentais para atração do público. Além disso, há de se destacar as metas de lucro, afinal, o marketing anda lado a lado com o setor de vendas e publicidade.

Imagine, agora, toda essa contextualização voltada a um meio específico: o esporte. A partir daí chegamos ao marketing esportivo, tema de nosso artigo e do curso online relativo. Segundo a psicóloga do esporte Keila Sgobi, trata-se de um segmento que utiliza o esporte como ferramenta corporativa, comercial e institucional. Pode ser focado tanto a produtos e serviços direcionados ao consumidor quanto no marketing voltado aos ativos esportivos em geral: eventos, campeonatos, atletas, clubes, modalidades, etc.

O marketing no esporte visa atingir o público que acompanha qualquer um desses pilares: do torcedor apaixonado por um time de futebol aos fãs de um atleta de ponta, dos frequentadores do jogo de uma liga àqueles que acompanham os eventos pela TV, pelo rádio, pela internet, entre outros canais.

Tal segmento é muito forte em países como Estados Unidos, precursor desse ramo e responsável por um mercado que movimenta muito dinheiro, sobretudo em modalidades como basquete, beisebol e futebol. Provavelmente você já ouviu falar do Super Bowl, a grande final da liga americana de Futebol Americano. Considerado um dos maiores eventos esportivos do mundo, tem uma audiência enorme e chama atenção de uma série de anunciantes. Para se ter ideia, um segundo de divulgação publicitária no Super Bowl custa mais de 600 mil dólares – algo em torno de 1 milhão e 800 mil reais.

Marketing Esportivo no Brasil

E no Brasil, quando o marketing esportivo começou a se destacar? Esse tópico é bastante relevante e deve ser dominado por quem pretende seguir carreira nessa área, por isso é um dos mais completos de nosso curso de marketing esportivo. Em linhas gerais, por aqui a atenção a esse segmento começou em meados da década de 1970, sobretudo após a conquista da Copa do Mundo pela seleção brasileira.

Com base e inspiração em conceitos estadunidenses, empresários e marcas começaram a promover a gestão esportiva em clubes, seja por meio de patrocínio ou marketing voltado a campeonatos renomados. Um dos maiores exemplos é a Copa União de 1987, o primeiro evento esportivo nacional financiado por empresas privadas, já que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) não tinha condições de arcar com os custos do campeonato.

Com o tempo, o marketing esportivo foi crescendo e hoje em dia já é extremamente valorizado. Todos os clubes possuem setores voltados à comunicação e gestão esportiva, tanto no contato e relação com a opinião pública e a imprensa quanto em promoções, divulgação de marcas patrocinadoras, de programas voltados à responsabilidade social, entre outras demandas.

Além disso, devemos destacar o interesse de corporações em associarem sua marca com ligas esportivas renomadas, como o Campeonato Brasileiro de Futebol ou a Superliga de Voleibol, bem como em comerciais com atletas de ponta (para se ter ideia, Neymar já faturava milhões em publicidade quando ainda atuava pelo Santos) e também aproveitando o boom de eventos que aconteceram por aqui, como a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016.

Com boas perspectivas de crescimento, o marketing esportivo atrai cada vez mais interessados em atuar nos seus diversos segmentos. Como vemos atualmente, não só o futebol faz sucesso. Esportes como natação, canoagem, vela, judô, vôlei, basquete e atletismo ganham popularidade e revelam representantes que se tornam verdadeiros ícones, o que leva o público a se atentar cada vez mais a essas modalidades.

Portanto, se você pensa em se qualificar nessa área, considere realizar um bom curso de marketing esportivo e outros cursos online voltados à comunicação e marketing. São opções que fazem toda a diferença e te deixam pronto para lidar com os desafios da profissão, seja em clubes, assessorias ou empresas voltadas a campanhas e patrocínios esportivos.

Cursos relacionados que podem te interessar:

Tipos de Pesquisas do Marketing Esportivo

Todo plano de marketing depende de pesquisas e com o marketing esportivo não seria diferente. Nesse segmento, essas análises também têm papel essencial, porém, seguem linhas bem específicas para alcançar resultados totalmente mensuráveis – tema que você pode se familiarizar melhor com muitos cursos a distância do portal, como o Curso Online Marketing Digital‍.

O método qualitativo é extremamente preponderante nas pesquisas de marketing esportivo, afinal, o público é segmentado de acordo com inúmeras variáveis, como modalidade, clube, personalidade, etc. Para se ter ideia, torcedores do Corinthians não compram produtos que sejam verdes apenas porque a cor representa o maior rival, o Palmeiras. O mesmo ocorre com o Grêmio, que evita o uso do vermelho só porque é símbolo do Internacional. Com esses exemplos, dá para ter noção de que cada detalhe faz toda a diferença em uma pesquisa e planejamento de marketing esportivo.

Segundo Brenda Pitts e David Stotlar, autores do livro "Fundamentos de Marketing Esportivo", uma boa pesquisa de gestão esportiva é formada por alguns conceitos técnicos, como a busca de informações, avaliações, entrevistas e pesquisas científicas, que têm foco no desenvolvimento de produtos, no teste de materiais, nos projetos em geral e considera termos como amostragem, observação e análise de tendências.

Embora a análise quantitativa seja relevante, é na qualitativa que se desenha todos o planos, com dados mais aprofundados do comportamento das personas e quais estratégias são primordiais para o ciclo. É um processo que demanda trabalho e qualificação, não é à toa que esse termo também faz parte da grade do Curso Online Marketing Esportivo e de outros cursos online com certificado da área.

Segmentação do Marketing Esportivo

Em conjunto com as pesquisas vem a segmentação de mercado, aspecto fundamental em todos os processos de marketing, utilizada para deixar as campanhas mais apuradas e vantajosas. Para Pitts e Stotlar, no marketing esportivo esse conceito se aplica na divisão em segmentos de mercado e de indústria, buscando sempre um resultado homogêneo.

Como já dissemos, o perfil do consumidor interessado em esporte é muito variável, por isso há de se considerar as características da persona e como ela se comporta no mercado. Um indivíduo pode ter preferências bem específicas em relação a uma modalidade, outro acha agradável a relação do esporte com causas sociais, etc.

Entender as motivações, necessidades e desejos do público é o primeiro passo para uma boa segmentação, sobretudo se uma marca pretende se associar a algum clube ou atleta ou então vender um produto. Nesse contexto, quatro bases são interessantes: demografia, psicologia, utilização e benefícios do produto/serviço.

Exemplos práticos: nos eventos de tênis, é comum a promoção da famosa marca de relógios Rolex, voltada para um público classe A que é mais interessado nessa categoria esportiva. Já nos comerciais dos jogos da seleção brasileira de futebol, que atraem milhões de pessoas de todas as classes, é comum a propaganda de lojas populares, bancos ou serviços de telefonia, que têm maior ligação com o público em massa.

Fique atento: muitos cursos online ajudam a complementar seus estudos nessa pauta. Além do marketing, você pode ter um melhor embasamento no tema realizando o Curso Online Comunicação Esportiva‍.

marketing esportivo

Métodos Promocionais no Esporte

Ao pensar em marketing no esporte, muita gente logo associa essa área às promoções, embora vá muito além disso – conforme já salientamos no início do artigo e fortalecemos em nossos cursos a distância correlatos. Quando se trata desse conceito, podemos listar alguns métodos principais de propaganda que acontecem em diferentes canais e espaços, embora tenham objetivos similares.

Rádio e Televisão

São os veículos mais utilizados nas promoções esportivas. O rádio é um meio clássico de transmissão de jogos – sobretudo de futebol -, e discussões pós-jogos, em que se abre espaço para a divulgação de uma série de produtos e serviços. O locutor, por exemplo, usa estratégias para falar de determinada marca em meio a sua narração, promover uma venda e salientar a importância de uma campanha.

Já na TV, a comunicação visual auxilia bastante nos métodos promocionais. As publicidades pré-jogo e no intervalo são as mais recorrentes e perceptíveis, assim como aquelas utilizadas em todo o espaço da arena/estádio/quadra. Além disso, os patrocinadores aparecem na transmissão do evento.

Salientamos também a importância da internet e das redes sociais nas promoções – clubes, confederações, entidades, organizações, empresas e personalidades usam cada vez mais as ferramentas digitais para atingir seus objetivos.

Gerenciamento de carreira de atletas

A gestão de carreira de atletas é outro artifício utilizado por agências de marketing esportivo, realizando planejamentos de promoção de sua imagem e assessoria frente a imprensa e ao público. Pode ou não vir acompanhado de um patrocínio, embora seja uma tática utilizada pela própria personalidade e seus empresários.

Esse é um campo interessante para atuação na gestão esportiva, já que todo atleta necessita dessa equipe para manter uma ótima imagem e conduta. Vale a pena compreender como funciona essa área de modo detalhado em nossos cursos online com certificado.

Licenciamentos

A concessão da marca/nome de um clube para associá-la a um produto ou serviço é o principal conceito e objetivo desse método. As técnicas de licenciamento são as mais populares e vantajosas na relação de clubes com torcedores e clubes com parceiros, considerada a maior ferramenta do marketing esportivo.

Segundo David Stotlar, tal estratégia é estruturada por etapas que contemplam prospecção de novas categorias, apresentação do produto, negociação, elaboração de contrato, controle de pagamentos. Os canais de distribuição incluem franquias, parcerias com lojas online e físicas, além de lojas exclusivas – clubes de futebol como Corinthians, Palmeiras e São Paulo já possuem seus próprios espaços para venda de itens licenciados.

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Eventos

Por fim, há os eventos esportivos, que utilizam métodos de marketing para atrair o público local ou turistas, como mostrar uma imagem positiva de determinado local, dar ênfase a algum produto, serviço ou marca, entre outros. As Olimpíadas são um exemplo clássico, pois voltam as atenções do mundo para um país – como aconteceu ultimamente no Brasil.

A mídia influencia diretamente na divulgação desses eventos e seus canais são essenciais para as promoções. Além disso, os eventos esportivos são capazes de conceber bons negócios e investimentos, seja para o local ou para as empresas/organizações envolvidas, abrindo espaço para diversas formas de fazer marketing.

Todos esses processos são tratados com mais afinco no curso de marketing esportivo do Educamundo. Aproveite essa opção e outros cursos online para dar um plus em suas competências.

Marketing Esportivo: qualifique-se com um curso online excelente

O Curso Online Marketing Esportivo é a melhor opção para se capacitar, atualizar e aperfeiçoar nesse ramo tão abrangente e que está em pleno vapor no Brasil. Profissionais de comunicação, administradores, gestores e interessados em geral podem recorrer a esse curso online para aprimorar seus conhecimentos na área.

Aproveite as vantagens do Educamundo para dar um up em sua formação pessoal e profissional. Inscreva-se no portal investindo uma taxa única de R$69,90 e tenha acesso a todos os cursos a distância do Pacote Master por um ano inteiro. Estude quando e onde quiser com total autonomia, segurança e flexibilidade.

O Educamundo é um dos maiores portais de cursos online com certificado do país. Atestado por mais de 200 mil alunos, possui mais de 1200 cursos online que podem ficar a sua disposição. Faça sua matrícula e comece a estudar agora!

Tem alguma dúvida? Deixe um recado pra gente. Gostou do artigo? Compartilhe em suas redes sociais. Boa sorte e até a próxima!