Estamos nos tempos dos celulares, iphones, tablets, best-sellers consagrados, canais pagos e com inúmeras opções de entretenimento. Isso tudo é divertido, que falar de literatura para a criança e o adolescente se torna algo ultrapassado.

A verdade é que não importa o tempo em que vivemos a literatura é sim importante para o desenvolvimento intelectual. Mas como estimular isso e gerar legiões de leitores apaixonados?

Podemos perceber isso quando tem algum lançamento de uma série de livros, como por exemplo, Harry Pottter ou O Código da Vinci que estouraram em vendas e arrebataram milhões de leitores. Esses livros possuem histórias incríveis e misteriosas que leitores se identificaram.

Será que livros como esses são a porta de entrada para uma vida de leitura? Como a escola pode estimular e incentivar a leitura?

Qual é o papel do educador na literatura brasileira?

Essas questões levantam debates nos dias de hoje em como construímos uma sociedade mais crítica, a partir dos incentivos literários nos primeiros anos escolares.

Segundo o crítico literário americano Harol Bloom, autor do livro Como e por que ler, existem dois motivos para as pessoas lerem: primeiro, o conhecimento encontrado nos grandes autores da literatura e segundo, o pensamento construído depende da memória — encontrada nos livros. —, e está diretamente relacionado à forma de criticar os padrões impostos pela sociedade.

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Qual é o papel da literatura nas escolas?

O objetivo da literatura infantil é trazer um mundo de imaginações, estimular as críticas aos padrões estabelecidos pela sociedade, enriquecer o vocabulário e incentivar o crescimento psicossocial na criança e no adolescente.

Os educadores devem oferecer um acervo de biblioteca riquíssimo, apresentar os livros como algo prazeroso e não como punição por algo ou indisciplina.

O bibliotecário, por exemplo, além de desenvolver as habilidades necessárias como organização, deve estudar o perfil do estudante e oferecer livros que condizem com a faixa etária dele, respeitando os limites da compreensão textual. Além disso, ele deve incentivar que o estudante do ensino médio leia o livro e assista ao filme, como por exemplo, Dom Casmurro, um clássico de Machado de Assis.

Assim vemos que a literatura é linguagem, é a arte da palavra. Quando dispomos a conhecê-la, estamos condicionados a compreender um pouco da nossa história e de nossa condição humana. A literatura é uma forma de expressão, tanto quanto a música, teatro e a pintura.

A nossa cultura musical incentiva a leitura, por meio da música, como a canção Língua de Caetano Veloso que fala sobre a linguagem, a literatura e artes.

A essa relação de linguagens e tipo de aprendizagens, damos o nome de letramento, que por sua vez, começa no primeiro ano escolar, ou melhor, no primário e perdura a vida toda.

Agora voltando ao questionamento da introdução, entendemos que o que atrai legiões de fãs, são os livros que contam histórias que geram alguma reação emotiva nos leitores. O livro Harry Potter foi para as telas do cinema e viciou pessoas de todas as idades.

Até que ponto a literatura brasileira expressa a sociedade?

Como a literatura é uma arte, então ela expressa os valores que a sociedade acredita de uma determinada época social.

Existem inclusive autores que usam guerras regionais como planos de fundo e criam histórias épicas, como Os Sertões, de Euclides da Cunha — retrata a guerra de canudos, Iracema, de José de Alencar — colonização brasileira.

A isso damos o nome de gêneros literários no qual em cada época brasileira os autores com diversas características textuais retratam os acontecimentos nos livros.

A literatura brasileira atual expressa uma realidade na qual estamos vivenciando como o autor Luis Fernando Veríssimo retrata em suas crônicas e contos: Comédia Brasileira de Verão, A Mesa Voadora, Sexo na Cabeça e outras.

É nítido que ele retrata uma sociedade menos moralista e mais liberal para assuntos que antes eram considerados tabus. Assim, entendemos que a literatura retrata a sociedade na época em que ela ocorre.

Qual é o objetivo do papel da literatura na formação dos valores da sociedade?

O papel da literatura na formação dos valores da sociedade tem como objetivo criticar e estabelecer alguns comportamentos. Os livros são também responsáveis por ditar os valores. Como Emílio, de Rousseau, escrito em meados do séc. XVII ensina que a educação infantil deve ser baseada em jogos. Além disso, ele menciona que o homem é puro até que o ambiente o corrompa (Bon Sauvage).

Incentivado por essas ideias, no séc. XIX começou a ser difundido que a leitura não pode ser como uma punição, e que a formação deve ser pelo exemplo e a moral.

Com isso os educadores foram condicionados a interligarem vários processos de aprendizagem tanto pela leitura, escrita, o teatro, a música e entre outros:

  • Poder de expressão;
  • Compreensão do meio;
  • Respeito por cada fase de aprendizagem da criança e do adolescente.

Como a biblioteca online revolucionou a leitura?

Chegamos a nossa era digital no qual a literatura inovou e nos apresenta os livros digitais. Hoje, somos bombardeados por livros e resumos que frequentemente são lançados.

Sem dizer que é possível encontrarmos livros dos primeiros autores de referência em críticas como o Machado de Assis no domínio público.

Mesmo assim, a biblioteca deve acompanhar esses avanços, no qual podemos ler na velocidade que queremos, de onde e como queremos.

A biblioteca online revolucionou e para isso, ela precisou se ajustar a essas necessidades e já é possível lermos as literaturas clássicas pelo iphone, tablet. Cabe à escola incentivar a criança e o adolescente a buscar esse conhecimento.

Como ler livros online grátis?

A forma de ler mudou e agora você tem acesso aos portais gratuitos e a milhares de obras. Com a biblioteca online podemos aprender mais e muitas vezes em sites e aplicativos grátis.

É importante ressaltar que podemos acessar os livros clássicos por diversos meios. A seguir listamos um guia para você ter acesso às maiores bibliotecas do mundo. Confira.

  • Biblioteca de domínio público — Acervo Federal;
  • Biblioteca virtual universitária — USP, UFRJ, FGV;
  • Livros em audio — ritmam a sua leitura;
  • Aplicativos que organizam os seus livros — Google Livros;
  • Sites que disponibilizam ebooks — Read Any Book, Open Library, Project Gutemberg.

Veja estas dicas de leitura pelo celular, computador ou livro físico:

Confira algumas dicas para você ter uma leitura proveitosa e que realmente seja produtiva: aplicativos facilitam a organização, cuidado com distrações, tenha pausa entre as leituras, saiba mais:

  • Use aplicativos de leitura;
  • Monitore o seu tempo ao ler;
  • Tenha atenção com a posição da sua coluna;
  • Baixe a luz do seu celular ou computador;
  • Opte pela luz do dia;
  • Mantenha um intervalo de 30 a 35 cm de distância do olho;
  • Fuja de qualquer distração.

A nossa dica de leitura é para você ser flexível e respeitar os seus limites com cautela e sempre se dedicar a aprender continuamente realizando cursos. Para tanto, existem excelentes cursos online com certificação (certificação é opcional e sendo negociada a parte) para você ficar inteirado sobre as tendências da educação.

Assim entendemos que embora a literatura tenha evoluído, os clássicos continuam ditando regras para cativar o leitor.

Percebe-se a importância do educador estar por dentro desse novo conceito de literatura infantil e buscar novas alternativas para apresentar a leitura e consolidar o aprendizado para a criança e o adolescente.

Conheça o Curso Online Auxiliar de Biblioteca.e saiba mais sobre os métodos de aprendizagem.

Gostou do texto? Aproveite, aprofunde os seus conhecimentos, se inscreva no Plano Master e acesse a mais de 1.200 cursos online. E por apenas R$69,90 ao ano você se atualiza sobre qualquer área profissional!