A acupuntura é uma técnica na qual os profissionais manipulam pontos específicos do corpo para fins terapêuticos ou preventivos, na maioria das vezes, usando agulhas extremamente finas.

Embora a acupuntura com agulhas seja a mais difundida, diversas outras técnicas modernas surgiram ao longo dos anos, algumas usando imãs, eletrodos, sementes ou outros dispositivos, mas a maioria com eficácia semelhante à da técnica original.

O artigo intitulado "Saiba como estimular os pontos de acupuntura sem as temíveis agulhas", publicado aqui no blog, resume de maneira didática e objetiva alguns destes métodos, como a estimulação elétrica transcutânea de pontos de acupuntura. Recomendamos fortemente esta leitura, pois ela vai mudar sua visão sobre o alcance desta técnica milenar.

Mas, claro, não deixe de ler este artigo, que vai esclarecer todas as suas dúvidas sobre especialização em acupuntura. Confira!

Especialização em acupuntura tradicional vs acupuntura moderna: qual a diferença?

É imprescindível que ao falarmos sobre acupuntura, tenhamos em mente que existem duas vertentes da técnica — a tradicional e a moderna.

A tradicional surgiu há mais de 2.500 anos e faz parte da Medicina Tradicional Chinesa (MTC). Trata-se de uma abordagem holística da saúde e considera a doença como um sinal de que o corpo está em desequilíbrio.

Já a moderna faz parte da medicina ocidental e, portanto, é baseada na anatomia e fisiologia humana, assim como em evidências científicas. Esta vertente é frequentemente vista como uma forma de medicina complementar ou alternativa.

Ainda que apresentem algumas semelhanças, o profissional deve estar ciente da técnica que está utilizando, pois elas sãos distintas.

Ao procurar uma especialização em acupuntura, cursos online livres ou qualquer outra forma de se capacitar, você provavelmente vai notar que a maior parte das opções disponíveis no mercado são voltadas para a técnica tradicional.

Mas, se seu interesse for a acupuntura moderna, não se preocupe! Também é possível encontrar boas capacitações na área.

Aqui no Educamundo nós contamos com o Curso Online Acupuntura, que faz um link interessantíssimo entre ambas as técnicas. Lá você vai encontrar, inclusive, uma interpretação ocidental dos conceitos da medicina tradicional chinesa. Vale a pena conferir!

Cursos relacionados que podem te interessar:

O que um bom curso online de acupuntura precisa ter?

Não existe uma lei que regulamente o exercício do acupunturista, assim como não existe uma definição oficial do currículo mínimo para os cursos de acupuntura.

Através da experiência da nossa equipe e de uma extensa revisão de literatura, resumimos alguns conteúdos básicos que devem fazer parte de um bom curso de acupuntura. veja:

1. Introdução à acupuntura

Todo profissional deve conhecer a fundo a definição e a história das atividades que desempenha. Um acupunturista que não entende as diferentes vertentes da acupuntura e que não conhece o longo e complexo processo de desenvolvimento da profissão, certamente terá sua atuação limitada em algum aspecto.

2. Fisiologia humana/fisiologia energética da medicina chinesa

Independentemente da vertente da acupuntura que você deseja atuar, o conhecimento sobre fisiologia será uma das suas bases. Entretanto, vale lembrar que a visão holística da medicina tradicional chinesa envolve um conceito de fisiologia completamente diferente daquele que aprendemos no nosso modelo biomédico.

Neste sentido, abordar conteúdos como: energia vital (Qi), meridianos, Zang-Fu e cinco substâncias fundamento é um requisito mínimo.

3. Diagnóstico em acupuntura

Para a medicina chinesa alterações patológicas se manifestam como sintomas e sinais externos. Portanto, na acupuntura tradicional a ênfase está na regulação do Qi e na abordagem da raiz do desequilíbrio — a correção dos sintomas é de importância secundária.

Por isso, um bom curso deve ensinar técnicas para avaliar o estado bioenergético, emocional e vibracional do paciente, a fim de localizar a origem das disfunções.

Já para a acupuntura moderna, o diagnóstico é bem diferente. Assim, como em qualquer outra área da saúde, a avaliação das disfunções é baseada nos sinais e sintomas do paciente, avaliação física, exames bioquímicos e de imagem.

4. Aprenda para que serve a acupuntura

Quanto melhor compreender para que serve acupuntura, mais você irá beneficiar seus pacientes.

São muitos os problemas que podem ser tratados através desta técnica. Só a Organização Mundial da Saúde (OMS) reconhece os efeitos positivos de 361 pontos de acupuntura — somados aos diversos outros que estão sendo estudados e mostrando excelentes resultados, eles oferecem um mundo de possibilidades.

Entre as condições cujas evidências de efeito positivo são superiores estão: dores, gota, depressão, cólica renal e biliar, parto, infecções, acne, distúrbios gastrointestinais e rinite alérgica.

Os benefícios não param por aí! Para quem quiser saber mais temos outras leituras super interessantes aqui no blog, entre elas:

Acupuntura para tratar estresse e ansiedade: o que diz a ciência – Além deste artigo reunir alguns dos principais pontos de acupuntura para ansiedade, ele ainda te ensina como conseguir atendimento com um acupunturista pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Tratamento para enxaqueca: como a acupuntura pode te ajudar? – Entenda como a acupuntura pode ser usada como tratamento para enxaqueca, de acordo com a localização da dor (lateral, testa, coroa ou pescoço).

Acupuntura para emagrecer: saiba o que dizem os especialistas – Saiba através de uma fonte segura se é possível usar acupuntura para emagrecer e se a terapia auricular também é capaz de auxiliar na perda de peso.

5. Moxabustão: cura através do calor

A moxabustão é parte importante da acupuntura. Aprender sobre ela é uma forma de oferecer um recurso terapêutico a mais para seus pacientes.

Essa técnica produz calor sobre os mesmos pontos usados na aplicação das agulhas na acupuntura. Em geral, a moxabustão consiste na queima de um pequeno bastão feito com a erva Artemísia vulgaris ou sinensi.

Quem pode fazer curso de acupuntura?

De acordo com o Instituto Brasileiro de Acupuntura, podem exercer a profissão acupunturistas tradicionais (técnicos sem nível superior) e todos os profissionais com diploma de nível superior na área da saúde que apresentem formação em acupuntura, isso inclui:

  • Educação Física;
  • Fisioterapia;
  • Terapia Ocupacional;
  • Enfermagem;
  • Nutrição;
  • Biomedicina;
  • Psicologia;
  • Farmácia;
  • Odontologia;
  • Biologia;
  • Fonoaudiologia;
  • Musicaterapia;
  • Tecnólogo em Estética e Comestologia;
  • Medicina;
  • Medicina Veterinária.

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Estude conosco

Está procurando um curso online para refinar seus conhecimentos em acupuntura? Opte por quem entende de ensino à distância!

Só no Educamundo você terá acesso a mais de 1.200 cursos online com certificado que fazem parte do nosso Pacote Master. 

Inscreva-se agora mesmo por apenas R$ 69,90 ao ano e aproveite!