Como assim, vai acabar a cerveja? Você está preparado para isso? Bem, isso é o que diz uma publicação do final de 2018, do periódico Nature Plants.

Isso seria uma consequência do aquecimento global, fenômeno que interfere nas temperaturas do planeta.

Mas será que isso é mesmo verdade? Afinal, muito se fala sobre a farsa do aquecimento global, sobre não ser exatamente como é divulgado e nem tão alarmante assim.

Seja como for, nos tópicos seguintes vamos abordar essas pautas e você pode tirar suas conclusões e, é claro, opinar.

E se você tem muito interesse em temas como o efeito estufa, a camada de ozônio, os impactos ambientais, as práticas de sustentabilidade e outros temas correlatos, considere fazer o Curso Online Desenvolvimento Sustentável do Educamundo.

Com esse e os demais cursos online com certificado do portal, você se capacita e atualiza sobre os principais aspectos relacionados ao desenvolvimento sustentável ligado ao econômico, e dá uma bela incrementada em seu currículo.

Agora vamos entender sobre a alegada falta de cerveja ocasionada pelo aquecimento global?

Por que o aquecimento global pode diminuir e acabar com a produção de cerveja?

Para entrar nesse tema, primeiro você precisa compreender as definições acerca dos termos:

O que é aquecimento global

Aquecimento global é a mudança na temperatura média global dos oceanos e da atmosfera terrestre. Isso acontece pela concentração alta de gases de efeito estufa, que prende na superfície terrestre o calor emitido pelo sol, aumentando a temperatura da Terra.

O efeito estufa e a camada de ozônio

A camada de ozônio em volta da Terra e o efeito estufa é que protegem as formas de vida dos raios ultravioletas. Já em outra situação, na troposfera, o ozônio se torna vilão, ao reagir com outros poluentes.  

O que é o efeito estufa?

O efeito estufa é o processo de aquecimento natural fundamental para a vida na Terra, pois é o que a mantém habitável. Sem isso, a temperatura média da Terra seria menos de dez graus negativos, ou seja, seria impossível o desenvolvimento das espécies.

Esses dois conceitos são mais aprofundados nos cursos online sobre meio ambiente o Educamundo, que você pode fazer para se capacitar, atualizar ou aperfeiçar e dar um up em sua carreira.

E sobre a produção de cerveja?

Bem, o que falamos a respeito da possibilidade de a cerveja acabar é o resultado de um estudo desenvolvido por cientistas da Universidade da Califórnia, da Universidade Chinesa de Pequim, da Academia Chinesa de Ciências Agrícolas, do Centro Internacional Mexicano para Melhorias do Milho e do Trigo e da Universidade de East Anglia (Inglaterra).

Segundo os especialistas, o problema se concentra na queda do rendimento e da qualidade das colheitas da cevada, ocasionados pelas secas e ondas de calor. De acordo com eles, as perdas podem chegar até 17%. Isso fará com que o preço da bebida dobre ou até triplique e haja uma redução no consumo.

Veja o exemplo dado por eles: a redução no consumo de cerveja na Argentina pode ser de -32% e o aumento do preço da bebida na Irlanda pode ser de +193%.

Bem, o resultado desse estudo é preocupante, esse certamente não é um dos maiores problemas causados pelo aquecimento global. De qualquer forma, vamos tranquilizá-los, pois há pesquisadores ensaiando soluções para que não falte cerveja no mundo.

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

A farsa do aquecimento global: você concorda?

Chegamos a um ponto crítico: o aquecimento global é verdadeiro ou não?

Não há um consenso sobre isso e há uma parte de especialistas que defende que o aquecimento global é uma farsa.

Independentemente de ser ou não, há mudanças significativas em várias áreas, como vimos neste artigo, nos resultados da plantação e colheita da cevada.

Seja como for, não custa nada para que cada um faça a sua parte para manter o planeta mais sustentável, não é mesmo?

O que você achou do que foi abordado neste artigo? Concorda ou não? Deixe a sua opinião e compartilhe o post com seus amigos e contatos. Até a próxima!