Se você é daquelas pessoas que costumam dizer que odeiam inglês ou que nunca vão conseguir aprender, está no lugar certo. Vamos lhe mostrar que aprender inglês pode ser algo muito fácil e até divertido, por que não pode ser assim?

Faremos isso por meio dos tópicos do curso de inglês online do Educamundo, uma excelente opção para quem precisa começar do inglês básico, e também para quem já aprendeu, mas precisa relembrar ou reforçar conteúdos.

O Curso Online Inglês Básico tem uma grade programática bem estruturada, para proporcionar um aprendizado sólido e mostrar a você que é muito bom aprender um segundo idioma, valorizar o currículo, fortalecer o perfil profissional e estar preparado para grandes desafios.

Acompanhe nosso artigo, tenha um panorama sobre o aprendizado desse idioma e saiba como aprender inglês online por meio de nossos cursos online com certificado pode ser vantajoso para sua vida pessoal e profissional.

Inglês básico: 5 razões para aprender o idioma

Se o seu conhecimento no idioma se baseia nas aulas de inglês da escola, você precisa saber que pode ser a hora de ampliar os campos da linguagem e se tornar um ser mais globalizado.

Não é nossa intenção desmerecer o trabalho de professores de língua inglesa e nem o trabalho feito nas escolas brasileiras, mas não há como aprender muito seguindo uma grade curricular tão restrita. Cursos online podem ser uma opção para você aprender inglês sem precisar investir muito e considerando o seu tempo disponível.

Se você ainda tem dúvidas sobre aprender inglês online, vamos lhe dar 5 motivos que lhe farão começar hoje mesmo. Acompanhe.

1. É a língua universal

O inglês é a língua franca do mundo dos negócios e das ciências; é o idioma falado em eventos globais, como a Copa do Mundo e as Olimpíadas. Transações comerciais internacionais são feitas nesse idioma. É claro que a globalização expandiu um pouco esses horizontes e atualmente outros idiomas ganham espaço, mas o inglês figura como idioma internacional oficial.

2. Sua carreira agradece

É na carreira, principalmente, que saber inglês faz toda a diferença. É importante frisar que não saber o idioma significar estar parcialmente excluído de uma parte do mercado de trabalho e da comunidade global.

Empresas transnacionais não buscam mais por profissionais que "se virem" no idioma ou que tenham "inglês básico". É preciso dominá-lo, comunicar-se com fluidez e também direcionar o aprendizado ao tipo de negócio, ou seja, além de aprender inglês, aprender as terminologias utilizadas na área.

Há bons cargos para quem é bilíngue, assim como boas remunerações. É sabido que quem domina outro idioma tem um salário mais alto do que profissionais que não têm essa competência em seu currículo.

Por isso, aposte cada vez mais em cursos online de inglês, mantenha-se em constante aprendizado e aperfeiçoamento, isso fará uma grande diferença em sua carreira.

3. Facilita suas viagens

Imagine aquela situação de visitar lugares e não conseguir se comunicar, precisar sempre de um intérprete ou tentar se fazer entender por meio de mímica. Não é muito legal, não? Mas se souber inglês, será muito fácil para você fazer pedidos em restaurantes, pedir direções, identificar placas ou até mesmo pedir ajuda em situações de emergência.

4. Você enriquece culturalmente

Saber outro idioma nos enriquece culturalmente, pois passamos a conhecer mais sobre as tradições e referências culturais de outros países. Conhecer pessoas de vários lugares do mundo também traz valor a nossa formação social e cultural, e nem precisa sair de casa, os chats possibilitam essa interação. Você conversa em inglês online e amplia seus horizontes sociais.

5. A mídia fala inglês

A maior parte do que há na internet está em inglês. Os filmes e séries preferidos de todos são em inglês - imagine ter acesso em primeira mão a um trailer de um filme novo, que ainda nem foi dublado ou legendado?

Abordamos o entretenimento, mas há muita coisa importante sobre ciência, tecnologia e outras áreas, disponível em inglês na internet.

Esses são motivos mais do que suficientes para que você pense em ter aulas de inglês online. Você pode começar pelo inglês básico e aprofundar os conhecimentos com outros cursos online com certificado, como os de leitura e interpretação de textos em inglês.

Nosso próximo tópico entra na gramática da língua inglesa e mostra um dos tempos verbais mais utilizados: o presente simples. Vamos saber mais?

Cursos relacionados que podem te interessar:

Tempos verbais: o presente simples

O presente simples, outra pauta do inglês básico, é exatamente como o do português: expressa ações habituais, fatos e situações atuais, gostos, desejos, opiniões etc.

Apesar de não haver conjugação de verbos em inglês, o presente simples tem variação nos pronomes he, she e it. Veja como fica o verbo "work" (trabalhar):

I work – eu trabalho

You work – tu trabalhas

He works – ele trabalha

She works – ela trabalha

We work - nós trabalhamos

You work - vocês trabalham

They work – eles / elas trabalham

O "it" não foi colocado na conjugação pois ele é o pronome neutro, utilizado para coisas. No entanto, você verá "it works", mas com outro sentido, como "funciona". Por exemplo:

- Does the equipment work? (O equipamento funciona?)

- It works very well. (Funciona muito bem. )

Quando os verbos terminarem em: sh, ch, ss, o, z ou x, acrescenta-se "es". Exemplos:

go – goes

wash – washes

fix – fixes

miss – misses

watch – watches

Presente simples: formas interrogativa e negativa

Ao fazermos perguntas e negativas em inglês sempre teremos que utilizar um auxiliar. O presente simples tem dois: DO e DOES. Apesar de eles serem a versão do verbo "to do" (fazer), como auxiliares eles não têm tradução.

O "does" é utilizado com he, she e it (os mesmos pronomes nos quais o verbo é flexionado) e "do" com os demais. Veja como acontece:

Exemplo 1:

They study for the final examination every day. (Eles estudam para o exame final todos os dias)

Pergunta: Do they study for the final examination every day?

Negativa: They do not (don't) study for the final examination every day.

Exemplo 2:

She works as a comercial assistant. (Ela trabalha como assistente comercial)

Pergunta: Does she work as a comercial assistant?

Negativa: She does not (doesn't) work as a comercial assistant.

O que você notou no segundo exemplo? Se você respondeu que na pergunta e na negativa o verbo perdeu a flexão (o "s"), acertou. Isso acontece toda vez que usamos o DOES, o verbo volta para sua forma infinitiva.

Outra observação diz respeito às formas contraídas: don't e doesn't. Sempre procure acostumar com elas, principalmente na linguagem falada.

inglês básico

Mais um pouco de gramática: uso do the e de that, this, these e those

Mostraremos alguns pontos de gramática vistos em nosso Curso Online Inglês Básico, como sobre as regras de uso do artigo definido (THE) e os pronomes demonstrativos.

Uso do artigo definido "the"

O "the" significa O, A, OS, AS, nossos artigos definidos em português. Apesar das variações em nosso idioma, em inglês ele é invariável, veja:

o carro = the car / os carros = the cars

→ Para saber usá-lo há algumas regras:

1. Antes de substantivos que representam elementos únicos em sua espécie: o sol (the sun), a lua (the moon), o universo (the universe)

2. Com nomes geográficos (rios, mares, montanhas, oceanos, pólos, desertos, canais, golfos, grupos de ilhas etc): the Atlantic Ocean; the Amazon River; the South Pole; the Bahamas.

3. Com nomes compostos de países: the United States; The United Kingdom.

4. Para indicar uma família toda apenas pelo sobrenome: the Smiths; the Silvas.

5. Com adjetivos utilizados como substantivos: the powerful (os poderosos); the poor (os pobres).

→ Quando não usar o "the"

Observe as seguintes frases e veja como ficam em inglês:

O Brasil exporta mais do que importa.  Brazil exports more than imports.

O carro dela foi roubado. Her car was stolen.

A Maria ligou para você. Maria called you.

Note que nesses casos o artigo "the" não aparece, pois ele não é utilizado antes de nomes de pessoas; nome de países no singular; e de pronomes possessivos (my, his, her, its, our, your, their).

Apesar disso, quando você se deparar com frases assim, deve adaptá-las ao seu idioma, ou seja, ao fazer a versão em português, deve adicionar o artigo. Veja:

Brazil has the best weather in the world. O Brasil tem o melhor clima do mundo.

Uso dos pronomes demonstrativos: this, these, that, those

Continuando nos temas de nosso curso de inglês online, chegamos aos pronomes demonstrativos em inglês. Eles são utilizados para indicar ou mostrar algo, alguém ou algum lugar:

This is my new notebook. - Este é meu caderno novo.

That is my friend Carl. - Aquele é meu amigo Carl.

These are my notes. -  Estas são minhas anotações.

Those are my friends.  - Aqueles são meus amigos.

Eles são também utilizados para:

♦ Apresentar pessoas:

Maria, this is my cousin, Renato. (Maria, este é meu primo, Renato).

These are my friends Julia, Ana and Raquel. (Estas são minhas amigas Julia, Ana e Raquel).

♦ Falar ao telefone:

Hello, this is Rodrigo. Can I talk to Carol, please? (Alô, é o Rodrigo. Posso falar com a Carol, por favor?)

Is that you, Carol? (É você, Carol?)

É muito bom aprender inglês online, você não acha? Por isso a equipe pedagógica do portal preparou o Curso Online Inglês Básico com tanta dedicação, para que você tenha o melhor conteúdo para seus estudos e formação profissional.

Agora que tal algumas dicas sobre como aprender inglês com música e filmes?

Como a música ajuda no aprendizado de Inglês

Aprender inglês com música ajuda a adquirir uma pronúncia mais natural, além de ajudar com vocabulário e a reconhecer palavras e sons. A capacidade de interpretação também se desenvolve, pois muitas vezes ao ouvirmos uma música, ficamos com dúvidas sobre alguma palavra (em inglês há palavras que podem ser facilmente confundidas) e conseguimos descobrir pelo contexto.

Um exemplo: quais as chances de sabermos se em determinado verso da música X é "human" ou "woman" (sem conhecê-la previamente)? Bem, o caminho mais fácil é pelo contexto: prestar atenção às palavras vêm antes e depois e fazer a associação.

Mas para quem está iniciando, o ideal é copiar a letra da música e trabalhar em cima dela. Nossa dica é que opte por músicas calmas – as românticas são excelentes opções. Não tente traduzir de forma literal, pois a licença poética permite que regras sejam ignoradas e você pode aprender de forma errada.

Por isso, a recomendação é que você utilize músicas com foco em seu treino auditivo e para adquirir vocabulário. Além disso, com o tempo você passará a prestar mais atenção aos tempos verbais utilizados e perceberá os erros (aceitos) em muitas músicas.

Fique atento às sugestões de músicas boas para trabalhar seu inglês, que são dadas no curso de inglês online. Aproveite cada uma delas, aprenda, se divirta e o melhor de tudo: cante junto toda vez que ouvi-las.

Os certificados do Educamundo podem ser usados para:


Prova de Títulos em Concursos Públicos

Horas complementares para faculdades

Complemento de horas para cursos técnicos

Progressão de carreira em empresas

Turbinar seu currículo

Revolucionar sua vida profissional e acadêmica

Aprendendo Inglês com filmes e séries

Mesmo que você não tenha tanta familiaridade com o idioma, certamente já se pegou prestando atenção ao que os personagens de filmes e séries falam, para tentar entender ou até mesmo porque associou a fala a expressões que você já conhece.

Caso isso nunca tenha acontecido, temos uma dica: quando estiver aprendendo inglês esqueça a dublagem. Acostume-se a assistir tudo legendado e, quem já tem uma base no idioma, pode até assistir sem legenda (não precisa ser sempre, mas eventualmente fazer esse exercício trará resultados incríveis ao seu aprendizado).

Uma das melhores coisas que acontece quando assistimos a filmes legendados é quando identificamos que o personagem fez uma fala diferente do que estava na legenda. Melhor ainda: quando notamos que a legenda estava errada. Acredite, isso acontece muito.

A grande vantagem dos filmes é que eles proporcionam o contato com a linguagem informal, com expressões idiomáticas, gírias etc. Há, inclusive, quem aprenda a falar inglês apenas assistindo filmes, mas aqui temos algumas ressalvas: quando se aprende apenas de ouvido (seja com filmes, músicas ou até mesmo com o contato com nativos) não se desenvolve a habilidade da escrita e nem do inglês mais formal e correto.

O ideal é que o idioma seja aprendido de forma mesclada, a natural acquisition (aquisição natural) com o contato direto com o idioma e o estudo formal, com cursos online com certificado, por exemplo.

Outro ponto a favor dos filmes e séries no aprendizado de inglês é que você pode treinar a pronúncia, e, melhor ainda, perceber as variações entre a pronúncia de uma mesma palavra dita por diferentes pessoas. Isso faz "desencanar" um pouco da preocupação que temos em ter a "pronúncia certa".

Aprenda inglês no Educamundo

Aqui no portal você terá as melhores aulas de inglês e aprenderá o idioma como nunca antes. Nossa equipe pedagógica competente disponibilizou conteúdos incríveis e que lhe darão um bom embasamento em inglês básico.

Você sabe que ao fazer a sua inscrição para nosso curso de inglês online você pode fazer outros cursos da área de idiomas ou de qualquer outra área, durante um ano inteiro e sem custo adicional? Pois é, com um investimento de R$ 69,90 você faz a assinatura do Pacote Master, que tem mais de 1.200 opções em cursos online e pode se qualificar em tudo que quiser.

Além disso, há a opção de pedir a certificação de qualquer um dos cursos que fizer, conforme as condições de contratação do curso.

Faça a sua inscrição e comece a se qualificar agora mesmo. Aproveite as vantagens que o portal oferece e compartilhe a notícia com seus amigos e conhecidos. Aproveite e deixe um comentário abaixo. Bons estudos!